BA-VI: Confira como o Vitória pode enfrentar o Bahia na Fonte Nova

Chamusca tem dor de cabeça para armar a defesa

FOTO: MAURÍCIA DA MATTA / EC VITÓRIA

Assim como o Enderson Moreira, o treinador Marcelo Chamusca também fez mistério e não deu pistas da escalação do Vitória para o clássico BA-VI deste domingo, às 17h, na Arena Fonte Nova, pela terceira rodada da Copa do Nordeste. Com os desfalques do zagueiro Bruno Bispo (suspenso pela expulsão contra o Moto Clube) e dos laterais-esquerdos Arroyo (suspenso pelo STJD após ser expulso em jogo do sub-23 em 2018) e Marcelo Benítez (lesionado), o treinador rubro-negro terá dor de cabeça para armar a equipe, isso porque na falta dos laterais, Bispo poderia ser escalado na posição.

Com isso, uma possibilidade seria transportar Jéferson da direita para a esquerda e promover a estreia do lateral-direito Matheus Rocha, de 20 anos, que chegou por empréstimo do Palmeiras, foi regularizado e relacionado. No entanto, Chamusca também pode optar por utilizar o lateral Wellisson, de 19 anos, cria da divisão de base do Leão e que atua nas duas laterais. Uma outra possibilidade seria escalar Ramon na lateral-direita (posição que atuou algumas vezes no ano passado) e Jéferson seria deslocado para a esquerda. Rodrigo Andrade também pode ser utilizado por ali.

Do meio para frente, não devemos ter novidades. Os volantes devem ser os mesmos que vinham atuando na equipe (Vilela e Wesley), com Ruy, Yago e Andrigo responsáveis por municiar o atacante, que deve ser Léo Ceará – que ainda não marcou gol em 2019, porém, no último BA-VI, pela segundo turno do Brasileiro de 2018, o jogador marcou duas vezes no empate por 2 x 2 no Barradão. Uma última opção, que pode acontecer, apesar de remota, é Juninho atuar na sua posição de origem. Ele foi relacionado, porém, não atua desde abril de 2018.

O Leão pode ter: Ronaldo; Jéferson (Matheus Rocha ou Ramon), Edcarlos, Thales e Wellisson (Jéferson ou Juninho); Leandro Vilela e Wesley Dias; Ruy, Yago e Andrigo; Léo Ceará.



Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*