Buscando acesso na Coreia, meia diz ter muito carinho e torcer pelo Bahia

Mesmo longe, Rômulo acompanha o Bahia sempre

Cria das divisões de base do Esporte Clube Bahia, onde teve um início até promissor, mas acabou não se firmando e deixando o clube, o meia Rômulo – hoje um dos destaques do Busan I Park, da Coreia do Sul – segue sonhando com o acesso para a Primeira Divisão do Campeonato Coreano.

O seu time terminou a primeira fase da K-League Challenge na terceira colocação e segue na luta. Desde o início do ano ele coloca o acesso como objetivo principal depois de bater na trave na temporada passada. Em entrevista concedida ao Bahia Notícias, o jogador disse ter um carinho pelo clube e acompanhar sempre, e segue torcendo para o tricolor conquistar uma vaga na Sul-Americana.

“Agora é iniciar bem a segunda fase, após a boa primeira etapa que fizemos, para encerrarmos o ano com o Busan na primeira divisão. Na última temporada batemos na trave e ficamos muito tristes com isso, mas esse ano não podemos deixar escapar. Vamos nos doar ao máximo para levarmos o Busan para a primeira divisão do Campeonato Coreano […] Tenho muito carinho pelo Bahia e respeito por seu torcedor. Tenho acompanhado o clube sempre. Espero que a equipe consiga uma vaga em alguma competição internacional para 2019”, disse Rômulo.



O meia Rômulo oriundo das divisões de base do Bahia teve um início até promissor em 2014. Foi titular e campeão baiano em 2015 e convocado para o Pan-Americano de Toronto, no Canadá. No entanto, não se firmou e acabou entrando na lista de jogadores contestados pela torcida. Inicialmente foi emprestado ao Bragantino, porém, não foi utilizado em nenhuma partida. Retornou do empréstimo antes da data prevista e novamente foi emprestado, agora para Busan I’Park, clube na 2ª divisão da Coréia do Sul onde encontrou seu melhor futebol.

LEIA MAIS

Deixe seu comentário