Artilheiro do Vitória pede para não ser chamado de vovô

Autor de três gols na goleada por 7 a 0 sobre o Poções, o experiente meia Jackson, de 35 anos, fez um pedido à imprensa nesta quinta-feira. Ele pediu para não ser chamado de vovô.

“Eu não gosto de ver as pessoas me chamando de vovô. Passo com meus filhos na rua e os torcedores me chamam de vovô. Eu não quero que as outras crianças que me encontram na rua me chamem desse jeito”, disse. Jackson é o artilheiro do Estadual com quatro gols, ao lado do companheiro de clube Washington e do atacante Neto Berola, do Itabuna. “Nenhum preconceito, mas ainda não sou vovô. Aos 35 anos sei que ainda posso jogar muito”, declarou o meia.

Desfalques

O técnico Vágner Mancini ainda não vai poder contar com os meias Gláucio e Cristian no jogo do próximo domingo, às 17 (horário da Bahia), contra o Feirense no Barradão. O departamento médico deu a notícia ao treinador nesta quinta-feira à tarde. Mas a equipe não sentiu os desfalques nesta quarta-feira, quando aplicou uma goleada por 7 a 0 no Poções.

William e André Luis foram os substitutos, mas o treinador espera informações do adversário para escolher a melhor formação. Com dores musculares, o zagueiro Anderson Martins foi poupado contra o Poções, mas treinou normalmente nesta quinta-feira à tarde, quando os jogadores se reapresentaram.

Depois da tradicional conversa com o treinador e o aquecimento físico, os atletas foram liberados para disputar um “rachão”. Nesta sexta-feira, à tarde, o elenco volta a treinar e Mancini vai divulgar os 18 relacionados para o jogo contra o Feirense. O Vitória é líder isolado do Baianão 2009 com 12 pontos, 100% de aproveitamento e saldo de 13 gols.Juvenil perde com gol no final e deixa a Copa Promissão

Um gol aos 33 minutos (cada tempo dura 35 minutos) do segundo tempo tirou o Vitória das semifinais da 9ª Copa Internacional de Futebol Sub-17, em Promissão (SP). Caculé marcou o gol rubro-negro.

O treinador Rodrigo Chagas, ex-lateral-direito vice-campeão brasileiro em 1993 pelo Vitória, lamentou a eliminação do time que na fase de classificação venceu os cinco jogos, enfrentando o atual campeão, Figueirense, e o Chivas, do México. “Jogamos em um campo sem as mínimas condições. O gramado pesado prejudicou a minha equipe que é mais leve”, disse.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*