Vitória encara o Fortaleza precisando de goleada improvável para seguir na Copa do Brasil

Para chegar até aqui, o Vitória passou por Castanhal-PA e Glória-RS.

Foto: Thiago Gadelha / SVM

A Copa do Brasil vai se aproximando da definição de todos os classificados às oitavas de final. Na 3ª fase, o futebol baiano foi representado por três equipes, sendo que uma delas ainda decide seu futuro na competição em tarefa complicada. Nesta quinta-feira (12), o Esporte Clube Vitória recebe o Fortaleza no Estádio Manoel Barradas, precisando de uma goleada improvável. Como perdeu por 3 a 0 na Arena Castelão, os comandados de Fabiano Soares dependem de um placar favorável de 4 a 0 para se classificar no tempo normal, ou então vencer por três gols de diferença e tentar a vaga na disputa por pênaltis.

 

Para chegar até aqui, o Vitória passou por Castanhal-PA e Glória-RS. Se alcançar a classificação histórica diante do Fortaleza, o Leão embolsa mais R$ 3 milhões, valor esse que cairia como uma luva num momento de inúmeros problemas financeiros. Quem apita o duelo é o árbitro mineiro Paulo César Zavonelli. Ele é graduado em educação física e tem 32 anos. Essa será a primeira vez que ele irá apitar uma partida do Vitória. Zavonelli será auxiliado por Guilherme Dias Camilo (Fifa) e Felipe Alan Costa de Oliveira. O trio é filiado à Federação Mineira de Futebol.

Para o confronto, o técnico Fabiano Soares não poderá contar com o volante Dionísio, o meia Miller e o atacante Thiaguinho, campeões baianos pelo Atlético de Alagoinhas, assim como os laterais Lazaroni, ex-Novorizontino, e Sánchez, ex-Portuguesa Carioca, que já atuaram por seus ex-clubes na Copa do Brasil. O volante Pablo, cedido por empréstimo pelo Fortaleza, também é desfalque. Além deles, estão fora do jogo o volante Alan Santos, que iniciou a transição para o campo, e os zagueiros Ewerton Páscoa, que deu continuidade ao processo de volta aos gramados, e Rafael Ribeiro, que ainda não foi liberado para transição física.

Dois baianos já entraram em campo pela rodada de volta da 3ª fase. O Esporte Clube Bahia, após empatar sem gols com o Azuriz na Arena Fonte Nova, ficou no empate em 1 a 1 no Estádio Os Pioneiros, em Pato Branco, e garantiu a classificação na disputa por pênaltis (4 x 3). Já a Juazeirense perdeu novamente para o Palmeiras por 2 a 1, agora no Estádio do Café, em Londrina (PR), e se despediu da competição.

JOGOS DE VOLTA DA 3ª FASE DA COPA DO BRASIL:

10/05 – Terça-feira
19h América-MG 2 x 0 CSA – Independência
20h30 Azuriz-PR 1 (3 x 4) 1 Bahia – Os Pioneiros
21h30 Athletico-PR 4 x 0 Tocantinópolis-TO – Arena da Baixada

11/05 – Quarta-feira
19h Ceará 2 x 0 Tombense – Castelão
19h Juazeirense 1 x 2 Palmeiras – Estádio do Café (Londrina-PR)
19h30 Flamengo 2 x 0 Altos-PI – Maracanã
21h30 Corinthians 2 x 0 Portuguesa-RJ – Neo Química Arena
21h30 Vila Nova 0 x 2 Fluminense – Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga
22h Cuiabá 0 x 0 Atlético-GO – Arena Pantanal

12/05 – Quinta-feira
19h Vitória x Fortaleza – Barradão
19h30 Cruzeiro x Remo – Mineirão
19h30 São Paulo x Juventude – Morumbi
21h30 Botafogo x Ceilândia – Nilton Santos
21h30 Santos x Coritiba – Vila Belmiro

22/05 – Domingo
19h Brasiliense x Atlético-MG – Estádio Elmo Serejo Farias

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Vitória escalado para enfrentar o Fortaleza pela Copa do Brasil

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*