Gabriel comenta cobrança da torcida do CSA e concorda com vaias

"A gente está aqui pra entregar o melhor para o clube, o torcedor tem toda razão"

Foto: Augusto Oliveira/CSA

Após a derrota por 3 a 0 para o América-MG, no Estádio Rei Pelé, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, o CSA deixou o campo sob vaias da torcida. Nesta sexta-feira, o time tenta fazer as pazes com o torcedor diante do Esporte Clube Bahia, às 19h, no Rei Pelé, pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O meia Gabriel, revelado no Esquadrão de Aço, falou sobre a cobrança da torcida do CSA e concordou com as vaias.

 

“Justa. A gente está aqui pra entregar o melhor para o clube, o torcedor tem toda razão, o torcedor apoia, mas quero que ele saiba que nós também estamos muito chateados, alguns escolheram estar aqui, eu sou um deles, eu quis ficar, o CSA é um clube que me acolheu muito bem e estou feliz por isso e vamos buscar o principal objetivo que é o acesso para a Série A.”

O Esporte Clube Bahia começou bem a Série B, vencendo Cruzeiro (2×0) na Arena Fonte Nova e Náutico (1×0) nos Aflitos. Já o CSA fez apenas um jogo e estreou empatando em 0 a 0 com o Ituano fora de casa. Na Copa do Brasil, o time alagoano foi derrotado por 3 a 0 para o América-MG, na última terça-feira, no Estádio Rei Pelé, em Maceió. Já o Esquadrão empatou com o Azuriz, por 0 a 0, na Arena Fonte Nova.

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Ex-meia do Bahia espera reação rápida do CSA para fugir do Z-4

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*