Após Bahia não exercer opção de compra, Raí tem contrato registrado pelo Fluminense-PI

De volta do Fluminense-PI, Raí será incorporado pelo time profissional do técnico Marcelo Vilar.

O Esporte Clube Bahia optou por não exercer a compra do meia Raí Soares, de 20 anos, que foi um dos destaques do time na Copa São Paulo de Futebol Júnior e vinha treinando com o elenco principal. O valor fixado no contrato era de R$ 350 mil, por 50% dos direitos econômicos. A diretoria tricolor fez uma proposta inferior, que foi recusada pelo Fluminense-PI. Após o fim do empréstimo no último dia 31 de janeiro, Raí teve o contrato registrado pelo Fluminense-PI no BID nesta terça-feira.

 

De volta do Fluminense-PI, Raí será incorporado pelo time profissional do técnico Marcelo Vilar. O Vaqueiro é líder do Campeonato Piauiense, jogará a Copa do Brasil, em fevereiro, e a Série D do Brasileiro, em abril. O jogador é esperado em Teresina.

Natural de Picos, no sertão do Piauí, Rai Rocha Soares chegou ao Fluminense-PI, em 2019, aos 17 anos, e foi um dos destaques da equipe na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Também disputou Copa do Nordeste Sub-20 e Copa do Brasil Sub-20. Em abril de 2021, chegou ao Esquadrão por empréstimo, para integrar o time sub-20. Ano passado, ele disputou 22 jogos, 12 pelo sub-20, 9 pela equipe de transição e um pelo time principal, fazendo sua estreia profissional no dia 21 de agosto na derrota do Bahia por 2 a 0 para o Grêmio, pela Série A. Esse ano, foi um dos grandes nomes do tricolor na Copa São Paulo, com 4 gols marcados.

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Juazeirense mira contratação do atacante Neto Baiano, ídolo do Vitória

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*