Zé Welison projeta jogo difícil contra o Atlético-BA, que não perde há 8 jogos

"É um jogo difícil, onde a equipe adversária vem totalmente defensiva", disse.

Foto: Aurélio Alves/O POVO

Nesta terça-feira (22), o Atlético de Alagoinhas enfrenta o Fortaleza, às 21h35, na Arena Castelão, em duelo válido pelas quartas de final da Copa do Nordeste. Vale lembrar que a decisão é em jogo único. Em caso de empate, a definição da vaga é nos pênaltis. Quem avançar, encara na semifinal o vencedor do confronto entre Botafogo-PB e Náutico. Revelado no Vitória, o volante Zé Welison falou sobre o duelo e não espera vida fácil diante do time baiano, que vem de uma sequência de oito jogos sem perder, sendo cinco vitórias e três empates, entre Baiano e Copa do Nordeste.

 

“É um jogo difícil, onde a equipe adversária vem totalmente defensiva, sabe que o nosso time é ofensivo. Temos de trabalhar no erro adversário porque é um jogo decisivo e creio que quem errar menos pode sair com o resultado positivo e é isso que vamos fazer, procurar errar o mínimo possível e caprichar na parte ofensiva para sair com o resultado positivo, que é mais importante”, declarou.

Quem apita o duelo entre Fortaleza e Atlético de Alagoinhas é o sergipano Fábio Augusto Santos Sá Junior, auxiliado pelo conterrâneos Rodrigo Guimarães Pereira e Ailton Farias da Silva. O quarto árbitro será José Denis Garces Lima, do Ceará, enquanto Anderson da Silva Rodrigues será o quinto árbitro. O árbitro de vídeo será Gilberto Rodrigues Castro Junior, de Pernambuco, com o auxílio de Clovis Amaral da Silva e Italo Medeiros de Azevedo.

 

 

Autor(a)

22/03/2022 às 13h50

Fellipe Costa

Redator e Administrador do Futebol Bahiano. Contato: [email protected]