Baianão nem finalizou a segunda rodada e já tem treinador demitido

Vale lembrar que esse ano, dois times serão rebaixados à Série B do Baiano. 

O Campeonato Baiano nem sequer finalizou a 2ª rodada e já tem técnico demitido. Nesta quinta-feira, o Doce Mel anunciou a demissão do treinador Beto Oliveira. A demissão acontece após duas derrotas nas duas primeiras rodadas do Estadual. O Doce Mel perdeu na estreia para o Jacuipense por 1 a 0 no Estádio Manoel Barradas, e ontem foi derrotado pelo Atlético de Alagoinhas, por 3 a 1, no Estádio Antônio Carneiro, assumindo a lanterna da competição. Vale lembrar que esse ano, dois times serão rebaixados à Série B do Baiano.

 

“Beto Oliveira não é mais o técnico do Doce Mel, a diretoria agradece os serviços prestados e deseja sucesso em seu novo desafio! Nesta sexta-feira o clube anunciará o novo treinador.”, publicou o clube nas redes sociais. 

Após pendurar as chuteiras como jogador, Beto Oliveira iniciou a carreira de treinador em 1993, como treinador nas divisões de base do Itabuna e permaneceu até 1997. A primeira oportunidade em time profissional foi em 2000, quando assumiu o Grapiúna na 2ª divisão do Campeonato Baiano. Dois anos mais tarde aconteceu seu grande feito como técnico profissional: no comando do Itabuna Esporte Clube, em 2002, na Segunda Divisão do Baiano. A equipe conseguiu o acesso invicta depois de 10 anos sem disputar nenhuma competição.

No Campeonato Intermunicipal, o técnico conquistou seis títulos nos últimos anos, ficando conhecido como “Rei”, sendo que dos seis títulos conquistados, três são consecutivos. 2017 foi campeão treinando Eunápolis, enquanto que em 2018 e 2019, ele conquistou dois títulos treinando a seleção de Itamaraju.

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Após deixar o Sete-PE sem estrear, Jobson é anunciado pelo Sport-PB

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*