Bruno Oliveira é apresentado no Santos e revela ajuda de Marinho para se ambientar

"Todo mundo é bem humilde, me acolhe bem", disse o jogador.

Foto: Ivan Storti/ Santos FC

Na quarta-feira, o Santos apresentou o meio-campista Bruno Oliveira, de 23 anos, que defendeu o Esporte Clube Vitória. O jogador, que chegou ao Peixe emprestado pela Caldense, a camisa 40 das mãos do executivo de futebol Edu Dracena. Bruno falou sobre suas características, mas se colocou à disposição para atuar em qualquer função que o técnico Fábio Carille desejar.

 

“Sou um jogador que joga no meio-campo. Hoje em dia, o futebol pede que um meio-campista esteja preparado para jogar como primeiro volante, segundo volante, mais para a frente. Onde o Carille achar melhor, eu estou preparado. Já joguei pelas beiradas do campo. Estou preparado. Onde ele achar melhor, estou à disposição”

Bruno Oliveira revelou que tem recebido ajuda de Marinho e Carlos Sánchez para se ambientar no Santos. Porém, também busca se espelhar em um companheiro de time que também chegou ao Santos nesta temporada.

“O Goulart foi de que me aproximei mais, por ele ter chegado agora. É um jogador excepcional. Estou sempre quietinho, na minha, só olhando e sugando ao máximo que ele faz para aprender bastante”

Torcedor declarado do Santos, Bruno Oliveira falou que ficou impressionado ao chegar no clube. “Assim que eu cheguei, por mais que eu tente esconder, como é um time do coração, fiquei impressionado com os jogadores de tanta qualidade. Todo mundo é bem humilde, me acolhe bem. O professor Carille é uma pessoa sensacional, que tem muito a agregar.”

 

Deixe seu comentário!