Fifa inicia teste de impedimento automático na Copa Árabe visando Mundial de 2022

Nova tecnologia pretende identificar automaticamente os atletas em posição irregular

De olho em alterações para o próximo ano no futebol internacional, a Fifa estuda testar uma tecnologia que acelera a verificação de jogadores em posição de impedimento. A princípio, o teste inicial será realizado na Copa Árabe, competição organizada pela própria entidade a partir do dia 30 de novembro, no Catar, como torneio preparatório para a Copa do Mundo de 2022.

 

Os seis estádios que serão palcos dos jogos do certame terão um sistema de inteligência artificial instalado em suas estruturas para automatizar os lances. Desse modo, o sistema encaminhará de forma imediata ao árbitro de vídeo uma mensagem evidenciando que um jogador está impedido. No entanto, caberá ao árbitro de campo a decisão de marcar ou não o impedimento.

Ainda assim, esse teste será oficial, após o sistema ter sido testado extraoficialmente em algumas oportunidades no continente europeu, em estádios como o Etihad, do Manchester City, a Allianz Arena, do Bayern de Munique, e o Estadio La Cartuja, de Sevilha. Posteriormente, caso o teste obtenha êxito, será aguardada uma aprovação formal na reunião anual da International Football Association Board (IFAB). A execução da novidade será em março do próximo ano.

Conforme especialistas, a utilização de sistemas automatizados de impedimento recorrem a câmeras e tecnologia computadorizada para detectar os movimentos dos jogadores e da bola, e devem ser mais precisos do que os impedimentos observados pelo VAR.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*