Revoltado com derrota para Juazeirense, Sport pede perícia no Estádio Adauto Moraes

Juazeirense venceu pelo placar de 3 a 2 pela Copa do Brasil

O triunfo fantástico e de virada da Juazeirense em cima do Sport-PE pelo placar de 3 x 2, na noite da última quinta-feira, pela primeira fase da Copa do Brasil seguramente irá render muitas reclamações do pernambucanos, no entanto, com poucas chances de sucesso, ainda assim, deve colaborar de certo modo e com alguma razão com aquela ideia de que praticamos por aqui uma espécie de futebol de roça. (veja aqui).

 

No jogo aconteceu de tudo: sistema de irrigação ativando no meio do jogo, desaparecimento dos gandulas e até da própria bola, ambulância no gramado e para completar o quadro, quedas de energia nos refletores que durou quase 2 horas, tudo disso diante de um árbitro omisso. Depois do jogo, em nota oficial assinada pelo vice-presidente jurídico Manoel Veloso, publicada no site oficial do clube,  o Sport informou que solicitou à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) que seja realizada uma perícia no estádio Adauto Moraes.

Veja a nota

“Devido aos impressionantes e injustificáveis eventos ocorridos na noite desta quarta-feira (10) no jogo Juazeirense x Sport, pedimos que o Delegado do Jogo e/ou a CBF determine a realização de uma perícia detalhada no local, devendo passar pelo estádio e o campo de jogo.

Perícia esta que deve se dar especificamente no sistema de irrigação do campo, refletores e suas conexões elétricas, geradores de energia, parte elétrica do estádio, parte elétrica no entorno do estádio (para atestar se houve queda de energia por culpa da companhia elétrica), assim como demais instalações físicas do estádio.

A perícia precisa ser realizada por engenheiros elétrico e civil e, desde já, declaramos que o Sport que arcará com tais despesas.

Assim também pedimos que a CBF oficie a companhia de energia elétrica da cidade de Juazeiro para informar se no dia 10/03/2021 após as 19h houve alguma queda de energia no local.

Sem mais, desde já agradeço a atenção dispensada, e peço que nossos justos pedidos sejam atendidos.

Atenciosamente,
Manoel Veloso
Vice-Presidente Jurídico do Sport Club do Recife”

Comentários:

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*