Vitória enfim deve receber os R$ 9,7 milhões pela venda de atacante

David custou do Cruzeiro R$ 9,7 milhões por 70% dos direitos econômicos

A “novela” David está próximo do seu último capítulo. O atacante foi reavaliado pelo departamento médico do Cruzeiro e os exames comprovaram que a lesão está cicatrizando, desta forma, o clube mineiro já sinalizou com o pagamento do valor acordado para contratação do jogador de 22 anos, destaque do Vitória em 2017.  Algo próximo com R$ 9,7 milhões por 70% dos direitos econômicos do atleta. O contrato do meia-atacante com a equipe celeste é de cinco anos.

 “Fizemos avaliações periódicas. Hoje fiz nova avaliação e o processo de reparo está bem adequado. Temos sinais de evolução. Assim sendo, a diretoria já avançou no processo de negociação com o Vitória”, garantiu o médico. Por meio do departamento de comunicação, o Cruzeiro informou que está “em entendimento para efetuar o pagamento” ao Rubro-negro baiano.

Na última semana, o presidente do clube baiano, Ricardo David, deu ultimato ao Cruzeiro e afirmou que solicitaria o retorno do jogador a Salvador caso o clube mineiro não depositasse o valor até segunda-feira (22). As conversas se arrastaram até esta quarta, quando o departamento médico da Raposa deu o aval para a contratação.

Sérgio Campolina evitou dar uma data específica para o retorno de David aos gramados e explicou que o departamento médico do Cruzeiro começou a tratar o jogador com um atraso de quatro semanas em função das férias de fim ano.

“Teoricamente o prazo são 12 semanas. O Raniel, por exemplo, está sendo escalado agora, cumprindo esse prazo. É praticamente a mesma, diferença só localização. Mas o Raniel seguiu o tratamento certinho. Clinicamente ele está bem. Hoje já tive uma conversa com a fisioterapia, estamos deixando ele menos na maca e mais nos trabalhos. Como eu disse, em média 12 semanas, e nossa meta é tentar colocá-lo em condições para a Libertadores. Mas como é um atleta importante para a temporada, vamos tentar não atropelar etapas”, finalizou.

Ex-comentarista do SporTV era ‘obrigado’ a falar mal de clubes do Esporte Interativo

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*