Técnico do Bahia explica triunfo em cima do Corinthians

Carpegiani festeja triunfo do Bahia contra o Corinthians

Duas partidas no comando técnico do Bahia. Dois jogos duros contra dois dos maiores clubes do Brasil. Uma fora. Outra e casa. Ambos praticando um bom futebol. Saldo: 4 pontos esse é o pequeno, porém importante percurso do treinador Paulo César Carpegiani no tricolor de aço, mostrando QUE INVENTAR ou tentar transformar o Bahia em campo de prova para experimentos é uma atitude arriscada, e, sobretudo, desnecessária. Falo da perda de tempo com Preto debutando como técnico de futebol num momento tão crucial para o destino do clube. Foram 9 jogos e alguns deles de pleno atraso.

Hoje logo após o jogo, o novo treinador na tradicional entrevista coletiva falou sobre o jogo e valorizou o elenco tricolor e ainda explicou porque tirou Rodrigão do jogo.

Veja

“O mérito é dos jogadores, não tenho a menor dúvida disso. Eles foram merecedores deste resultado. O time, no primeiro tempo, conseguiu impor um bom ritmo e fiquei satisfeito. Fomos competitivos, e isso me agradou bastante”, analisou.

“Demonstramos muito força e ímpeto no primeiro tempo, mas sofremos na etapa final, e isso era esperado. Tivemos um grande desgaste físico e emocional na quinta. Eu, no momento, pensei que precisávamos proteger a bola, prender ela na frente um pouco mais”.