Vitória x Atlético-GO: Recorde de público e renda

A torcida do Vitória tem todos os motivos para lotar o Barradão. A expectativa é de que o caldeirão registrará seu maior público para levar o Vitória a uma final inédita. Uma conquista do centenário clube baiano que dignificará a Bahia esportiva como já aconteceu outras vezes com seu co-irmão. O torcedor do Vitória muito grato com o time pode já sentir a euforia que toma conta da cidade horas antes do jogo e que mostrará ao país o por que que o rubro-negro baiano é hegemônico na sua região. Confira matéria da Tribuna!

Desde às 8 horas da manhã de ontem que o torcedor do Vitória já formava fila nas bilheterias do estádio Manoel Barradas, na Toca do Leão, para a compra do ingresso, a preço único de R$ 20,00 a arquibancada, para o jogo pelas semifinais da Copa do Brasil. A expectativa é de recorde de público e renda, com 35 mil pagantes e arrecadação superior a R$ 700 mil – com a venda das cadeiras – no jogo de amanhã à noite no Barradão.

Nem na decisão do título do Campeonato Baiano o Vitória conseguiu levar um público tão grande ao Barradão, em função da forte chuva que caiu durante todo o domingo, dia dois de maio, em Salvador. Com uma motivação muito grande, e o apelo do técnico Ricardo Silva e dos jogadores, a expectativa é de casa cheia no jogão de amanhã à noite, valendo vaga para a decisão do título da Copa do Brasil.

O diretor de Planejamento do Vitória, Nilton Sampaio Filho, enviou ofício ao Gerente de trânsito da TranSalvador, Janivaldo Rosário, no sentido da utilização de um esquema especial para a movimentação de veículos em volta do Barradão, para o jogo de amanhã à noite, garantindo melhorias no fluxo de torcedores.

Além disso, espera-se da Prefeitura a utilização de um esquema especial de ônibus nos principais terminais de Salvador, para atender o grande número de torcedores do Vitória, não só na chegada, mas principalmente na saída da Toca do Leão para esta partida pela Copa do Brasil.

Confira entrevista com Viáfara

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*