Grêmio pode alcançar melhor defesa da era dos pontos corridos na Série B

Imortal Tricolor tem um gol sofrido a cada três partidas

Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Rival direto do Bahia na Segundona, o Grêmio está há 16 jogos de invencibilidade. Dentro de casa, o rendimento tem sido eficiente, com seis vitórias consecutivas, além de oito empates. O detalhe é que o Imortal Tricolor sofreu apenas um gol. Com o retrato de ter um sistema defensivo sólido, a equipe gaúcha sofreu somente sete gols, o que corresponde a uma média exata de um tento sofrido a cada três rodadas. Nesse sentido, o aproveitamento pode levar o Tricolor dos Pampas a obter o título de melhor defesa da história da competição nos pontos corridos.

 

A equipe do técnico Roger Machado vai adquirir o título caso não leve 15 gols nos 17 confrontos restantes. Há 16 anos, quando a Série B do Campeonato Brasileiro passou a ser disputada no formato atual, o sistema defensivo de melhor rendimento equivale a Chapecoense.

Na edição de 2020, o Verdão do Oeste sofreu 21 tentos em 38 jogos. Anteriormente, quem conquistou o pleito foi o América Mineiro, que sofreu 25 gols em 2017. Por causa disso, o Grêmio pode alcançar o recorde, caso mantenha a média de 0,33 tento por partida.

“Se pegar as métricas do ano anterior, ofensivamente o Grêmio criava muitas oportunidades, mas não tinha um equilíbrio defensivo. Para que consiga chegar nas competições, não pode ter mais de um gol de média de expectativa de gol sofrido. É isso que buscamos até o momento, primeiro defender bem”, pontuou Roger Machado.

Situado na 4ª colocação, o Tricolor dos Pampas bateu 37 pontos, onde venceu 9 jogos, empatou 10 e perdeu dois em 21 rodadas. No geral, a agremiação soma 58,7%. Na rodada 22 da Segundona, o Grêmio visita o Guarani, nesta sexta-feira (05), às 21h30, no estádio Brinco de Ouro.

Deixe seu comentário!

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Bahia vai assinar contrato em definitivo com volante até o fim de 2023
  2. Rafinha segue em observação médica e ainda é dúvida no Vitória

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*