Com reforços e Fonte lotada, Bahia encara o CSA de olho na vice-liderança

A expectativa é de recorde de público, superando do jogo contra o Grêmio.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Depois de encerrar o jejum de cinco jogos sem vencer atuando em Salvador ao derrotar o Náutico na última rodada, por 3 a 0, o Esporte Clube Bahia volta a jogar na Arena Fonte Nova neste sábado, agora enfrentando o CSA, às 19h, em partida válida pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. A expectativa é de recorde de público, superando do jogo contra o Grêmio, que contou com 41.617 pagantes, e terminou no empate sem gols na Fonte Nova. O recorde de público tricolor na história da Arena é 46.341 pagantes, em 2019. Além disso, o confronto pode marcar as estreias do lateral-direito Marcinho e do meia Ricardo Goulart, que foram relacionados.

 

A rodada foi iniciada no último domingo, com o Vasco ficando no empate sem gols com a Chapecoense no Estádio de São Januário. O tropeço do Cruzmaltino abriu uma brecha para o Esquadrão assumir a vice-liderança caso vença o CSA. Com 37 pontos, o time baiano ocupa o 4º lugar, com 37 pontos, cinco a mais que o Tombense, primeiro fora do G-4. O Bahia foi ultrapassado pelo Grêmio, que venceu nesta sexta-feira o Guarani por 2 a 0 no Brinco de Ouro, e contabiliza 40 pontos. Já o time alagoano aparece na primeira colocação dentro do Z-4, com 20 pontos.

No primeiro turno da Série B 2022, Bahia e CSA empataram por 1 a 1 no Estádio Rei Pelé. O Tricolor saiu na frente com gol de Luiz Otávio, mas sofreu o empate com Dalberto. Pela Copa do Nordeste deste ano, as equipes também empataram por 1 a 1, mas em Salvador. Lucas Barcelos marcou para o Azulão, enquanto Hugo Rodallega igualou para o Esquadrão. Já no ano passado, as equipes duelaram apenas uma vez, com vitória do CSA por 2 a 0 no Rei Pelé, pelo Nordestão. O último triunfo do Bahia sobre o CSA aconteceu no dia 19 de fevereiro de 2020, por 2 a 0, no Rei Pelé, pela primeira fase da Copa do Nordeste.

Quem apita o duelo entre Bahia e CSA é o árbitro mineiro Felipe Fernandes de Lima. Ele será auxiliado por Ricardo Junio de Souza e Marconi Helbert Vieira, ambos também de Minas Gerais. O quarto árbitro é o baiano Irinaldo Jorge dos Santos Silva, enquanto Kleber Moradillo da Silva ficará como analista de campo. Na arbitragem de vídeo, o responsável será Igor Junio Benevenuto de Oliveira, que pertence ao quadro da FIFA. Ele terá o auxílio de Frederico Soares Vilarinho e Jailson Macêdo Freitas.

JOGOS DA 22ª RODADA DA SÉRIE B

DOMINGO, 31/07
16h00 – Vasco 0 x 0 Chapecoense

TERÇA, 02/08
21h30 – Sport 1 x 1 Criciúma

QUINTA, 04/08
19h00 – Brusque 1 x 1 Sampaio Corrêa
21h30 – CRB 1 x 1 Ponte Preta

SEXTA, 05/08
19h00 – Operário 1 x 0 Náutico
19h00 – Vila Nova 1 x 1 Ituano
21h30 – Guarani 1 x 2 Grêmio

SÁBADO, 06/08
16h30 – Bahia x CSA
19h00 – Novorizontino x Londrina
19h00 – Cruzeiro x Tombense

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*