Léo Gomes mantém confiança no Vitória para reverter o placar diante do Fortaleza

Como perdeu por 3 a 0 na ida, o Rubro-Negro precisa pelo menos devolver os três gols para levar a decisão para os pênaltis.

O Esporte Clube Vitória tem uma tarefa complicada nesta quinta-feira. Precisa vencer o Fortaleza por 4 a 0 no Estádio Manoel Barradas para se classificar à oitavas de final da Copa do Brasil, ou então por três gols para decidir nos pênaltis. Nos primeiros 90 minutos, o Leão perdeu por 3 a 0 na Arena Castelão. Em entrevista nesta quarta-feira, o volante Léo Gomes admite que será um jogo difícil contra os cearenses, mas acredita que dentro do Barradão e com o apoio da torcida, o time é capaz de buscar a classificação.

 

“Sabemos que vamos enfrentar uma equipe muito qualificada, mas também sabemos que dentro da nossa arena, junto com nossa torcida, podemos reverter esse placar. É um confronto difícil. Sabemos da vantagem que o Fortaleza tem. Vai ser um encontro difícil, mas vamos fazer de tudo para reverter esse placar. Sabemos que o Fortaleza é uma equipe qualificada, mas também sabemos da nossa qualidade. Vamos dar o máximo a cada momento, a cada minuto, e com fé em Deus vamos reverter”, completou o jogador.”

Após a chegada de Fabiano Soares, o Vitória venceu o Manaus e empatou com a Aparecidense, mas ainda está na zona de rebaixamento da Série C do Campeonato Brasileiro. Léo frisou que o grupo vem em evolução e está dando o máximo para tentar melhorar na competição.

“O time está mais intenso. Estamos fazendo mais jogadas de infiltração. Acho que isso está nítido para a gente e para o torcedor. O grupo vem em uma evolução, e agora é seguir trabalhando”, avaliou o meio-campista.

“Nosso trabalho estamos fazendo. Estamos dando nosso máximo. No jogo passado teve até um gol que ao meu ver foi mal anulado. Essas coisas às vezes impedem a gente de vencer. Mas o mais importante é continuar trabalhando, ter a cabeça boa, que daqui a pouco as vitórias vão acontecer.”

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*