Paulo Carneiro credita situação atual do Vitória a problema financeiro

Mandatário foi eleito presidente do Leão da Barra em abril de 2019

Afastado do exercício do mandato do Esporte Clube Vitória, Paulo Carneiro cedeu entrevista, na noite da última quarta-feira (22), ao Bargunça Podcast, comandado por Wagner Miau e Thiago Mithra. Questionado sobre o andamento da segunda passagem no Leão da Barra, o mandatário condicionou a situação do clube aos problemas financeiros.

 

“Não deu nada de errado. Você não consegue tirar o Vitória da situação que nós encontramos só com um pouco de sorte. Eu não dei sorte no campo, reconheço. Eu passei esse período com dois a três meses de salários atrasados, fora quatro a cinco meses de imagem, por absoluta falta de caixa. Pensem como é administrar um grupo de 32, 33 atletas dessa maneira”, avaliou Paulo Carneiro. “O grande problema do Vitória hoje não é técnico, é financeiro. Como é que se administra R$ 180 milhões com uma dívida de R$ 80 mi batendo na porta todo dia?”, completou.

Durante este ano, alguns áudios gravados pelo gestor do Rubro-Negro Baiano acabaram vazados em grupos nas redes sociais. Para Paulo Carneiro, a tentativa visava alcançar o torcedor do Leão de forma mais rápida, mas segundo ele “não foi isso o problema do Vitória”.

“Tenho um temperamento forte. Eu queria convencer o torcedor pela via rápida, usei o caminho errado”, assumiu. “Mas não foi isso o problema do Vitória. O clube parou de pensar grande, acha que vai resolver o problema de plantel, que vai chegar na Série A e não vai, se for, cai de novo”, finalizou.

 

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*