Técnico do Náutico indica provável destino do atacante Vinícius

"tem um contrato de dois anos com um clube que está em uma situação a definir na Primeira Divisão”, disse.

Foto: Caio Falcão/CNC

O destino do atacante Vinícius, um dos destaques do Náutico na temporada, deve mesmo ser o Esporte Clube Bahia. Após a derrota para o Avaí, por 2 a 1, no último domingo, o jogador se despediu do clube pernambucano por meio de mensagem nas redes sociais. Segundo informação do repórter João Victor Amorim, da Rádio Jornal de Pernambuco, o atacante de 28 anos tem pré-contrato assinado com o Bahia e deve ter um salário de 180 mil reais. O técnico Hélio dos Anjos lamentou a saída de Vinícius e revelou que o atacante está acertado com um clube que luta contra o rebaixamento na Série A, dando a entender que deve ser o Esquadrão.

 

“Estou muito preocupado com o início de temporada porque frisei que a tendência é termos mais problemas na formação de elenco. Estamos sujeitos a perder mais jogadores. Vinícius já se despediu do grupo porque eu já tinha passado para ele que não o levaria no último jogo (contra o Cruzeiro, quinta-feira). Ele é um jogador de altíssimo nível técnico. Nos ajudou em todos os sentidos. Como jogador, companheiro, líder, de comportamento exemplar. Merece ter um contrato bom, alto. Ele sabe o quanto o Náutico foi importante, mas você não tem como criar outra situação, na idade dele, com um contrato de dois anos com um clube que está em uma situação a definir na Primeira Divisão”, disse.

Natural de São Paulo, Vinícius Santos Silva foi revelado nas divisões de base do Palmeiras e em 2010, aos 16 anos, foi promovido ao elenco principal, se tornando o jogador mais jovem a atuar profissionalmente pelo clube paulista. Ao todo, foram 100 jogos pelo Verdão e 8 gols marcados. Chegou a receber propostas da Europa, mas não foi negociado e acabou não despontando. Em 2014, foi emprestado ao Vitória, onde disputou 20 partidas e anotou um gol. Defendeu também Capivariano, Ceará, Coritiba, Chapecoense, Criciúma. Fora do país, passou por Adanaspor (Turquia) e Larissa (Grécia). Em 2020, acertou com o Náutico, sendo um dos destaques do time na Série B. Pelo Timbu, disputou 57 jogos, com 14 gols e 12 assistências.

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Atacante revela que time do Bahia de 2010 era movido pela cachaça

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*