Dado Cavalcanti pede paciência com Óscar Ruiz no Bahia

"O Óscar vem treinando bem, fazendo o que lhe é peculiar", disse.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

A contratação do paraguaio Óscar Ruiz pelo Bahia virou uma novela. O Cerro Porteño fez jogo duro para fechar negócio, mesmo com a enorme vontade do atleta de jogar no futebol brasileiro e vestir a camisa do Esquadrão. O clube paraguaio só aceitou liberar quando o Tricolor pagou o que era pedido: 400 mil dólares, aproximadamente R$ 2,3 milhões por 50% dos direitos econômicos. O jogador de 29 anos assinou até o final de 2023 e chegou cercado de muita expectativa. A estreia empolgou o torcedor, com ele saindo do banco para marcar segundo depois no triunfo sobre o ABC pela Copa do Nordeste.

 

No entanto, a empolgação se transformou em desconfiança e questionamentos, afinal, Óscar Ruiz não vingou até o momento, com 14 jogos disputados (4 como titular) e um gol marcado. Em entrevista após a classificação na Copa do Brasil sobre o Vila Nova, o técnico Dado Cavalcanti saiu em defesa do paraguaio e pediu paciência.

“O Óscar vem treinando bem, fazendo o que lhe é peculiar. É um jogador extremamente voluntarioso. Está procurando fazer até mais do que se espera dele. Então temos que ter um pouco de tranquilidade na expectativa e na realidade. Da expectativa que foi criada e na real condição de jogo dele. Entendo que ele está contribuindo. E não podemos passar mais ansiedade para o Óscar. [Contra o Vila Nova] ele fez uma partida agressiva, foi para os confrontos individuais, com um pouco de ansiedade ainda para finalizar e fazer o último passe. Mas tudo dentro do que entendo que é natural para a condição e sequência dele.”

Natural da cidade de Assunção, capital paraguaia, Óscar Ramón Ruiz Roa nascido em 14 de maio de 1991, tem 1,71 de altura, joga preferencialmente na beirada esquerda do campo. Revelado pelo Libertad, acumula passagens também por General Caballero, Guaraní, Rubio Ñú, Deportivo Capiatá, Sportivo Luqueño e Cerro Porteño. Defendendo o Cerro, o meio-campista disputou 148 jogos disputados e 36 gols marcados. Conquistou duas vezes o título nacional: Clausura-2017 e Apertura-2020.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*