Atacante do Vitória cita alívio com fim do jejum e destaca importância da base

Felipe Garcia elogiou os jovens jogadores da base

Foto: Maurícia da Matta / EC Vitória

O atacante Felipe Garcia não fez gol, porém, foi peça importante no triunfo do Vitória por 2 a 1 sobre o Vila Nova no Barradão que encerrou um jejum de 87 dias sem vencer na temporada. O jogador roubou a bola no final da partida que resultou no passe para o segundo gol de Ruan Levine. Em entrevista coletiva, Felipe citou o alívio durante a semana após o fim da sequência negativa.

“Alívio, né? Alguns jogos que não vencia, e a gente estava precisando dessa vitória para ter uma semana de confiança. Não que as outras não tenham sido boas. O grupo é bom. Essa semana talvez tenha um alívio, mas sabedor que segunda-feira tem um outro jogo duro pela frente”, afirmou.

 

O jogador também destacou a importância dos atletas da divisão de base que vêm recebendo oportunidades na equipe principal e correspondendo, exemplos recentes de Caíque Souza e Ruan Levine. Além disso, David Conceição, de 19 anos, pode ser mais uma estrear profissionalmente, contra o Guarani, segunda, no Brinco de Ouro.

“Independentemente da idade estamos sempre evoluindo, aprendendo. Passar a vivência, né? Tudo que vivemos temos que passar para frente para quando chegar na hora todo mundo estar bem entrosado, as coisas fluírem naturalmente. A confiança do presidente, diretoria, treinador estão dando para os mais novos, e só o Vitória tem a ganhar com isso”.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*