Campeonato Baiano 2019: Clubes continuam recebendo esmola da TV BAHIA

principais clubes da Bahia vão usar o Sub-23 no Estadual

Os Campeonatos Estaduais resistem ao tempo e mesmo trazendo prejuízos conhecidos de forma antecipada, vão abrir o calendário do Futebol Brasileiro na sua temporada 2019. Este ano, assim como já aconteceu em alguns outros estados no passado, os principais clubes da Bahia prometem utilizar times baseados na categoria SUB-23 buscando abrandar os custos e combater o desgaste físico já que o campeonato é realizado simultaneamente com a Copa do Nordeste, que, aliás, continua relegada ao um plano secundário com jogos no meio da semana e nunca aos domingos, privilégio completamente sem sentido e descabido oferecido ao Campeonato Baiano mantendo e evidenciando a força que algumas Federações Estaduais no Futebol do Brasil, notadamente no Nordeste.

Financeiramente é uma tragédia. De acordo as informações do jornalista Cássio Zirpolli que milita na imprensa esportiva de Recife e mantém seu BLOG de ótima qualidade sempre atualizado, a TV Bahia que tem o direito de transmissão da competição como exclusividade já por 9 anos pagará ao Bahia e Vitória uma cota de R$ 974 mil para cada um, tendo aumento de cerca R$ 124 mil considerado ao pago no ano passado.



O aumento veio através do Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M) – cujo cálculo é feito no site do Banco Central do Brasil. Como nos anos anteriores, não existe premiação ao time Campeão. Já os demais clubes, como Atlético de Alagoinhas, Bahia de Feira, Fluminense de Feira, Jacobina, Jacuipense, Jequié, Juazeirense e Vitória da Conquista vão receber R$ 129.579 pela participação.

Para temos uma idéia simplista. Os clube como Corinthians, São Paulo, Santos e Palmeiras, vão receber 17 milhões pela participação do regional paulista. No Rio de Janeiro, 15 milhões será a cota considerando os clubes grandes. No Rio Grande do Sul, 12,5 é o que recebem Grêmio e Internacional. Em Minas Gerais, Cruzeiro e Atlético-MG vão embolsar 11 milhões sendo que o América-MG, como terceira força terá cota de 3 milhões de reais. No Ranking geral, Bahia e Vitória aparecem na décima quinta posição, atrás do Sport-PE recém rebaixado para o Brasileiro da Série B que receberá um milhão no Campeonato Pernambucano.

VEJA TAMBÉM

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*