Histórico aponta enorme dificuldade do Vitória contra o Cruzeiro no Mineirão

Vencer o Cruzeiro é o que resta ao Esporte Clube Vitória

O Esporte Clube Vitória tem uma importantíssima partida contra o Cruzeiro no Mineirão nesta quarta-feira às 20h. Jogo estilo e jeito de decisão de Copa do Mundo para a manutenção do clube do Campeonato Brasileiro da Série A. Ocupando a vice-lanterna da competição, o Leão além de vencer, precisa somar ao triunfo tropeços dos adversários acima da tabela para se alojar em numa posição de menor risco na classificação e pensar no Grêmio no próximo Domingo para acabar com o sofrimento que se transformou em rotina para o torcedor do Leão nos últimos anos.

Uma derrota, dependendo dos resultados dos concorrentes pode ser o começo do fim da trajetória do Leão na Série A, mas convenhamos, o clube vem treinando exaustivamente para isto acontecer já por dois anos de forma incansável.

Para o duelo diante do Cruzeiro o treinador interino João Burse não contará com o lateral Jeferson e do atacante Lucas Fernandes, ambos suspensos. Benítez, que cumpriu suspensão na rodada passada, está à disposição.

O retrospecto do duelo entre clubes nunca foi indicativo de derrota ou triunfos, não ajuda ou atrapalha, apenas indica que os clubes já se enfrentaram em 52 oportunidades, com 30 triunfos do adversário. 10 partidas não registrou vencedor, enquanto o Vitória obteve êxito em 11 oportunidades. No Geral, o Leão recebeu 98 gols e devolveu apenas 57.

Limitando o histórico apenas no Campeonato Brasileiro, as agremiações se enfrentaram em 37 oportunidades. O Cruzeiro venceu 21 partidas. Nove partida acabaram como começaram e houve sete triunfo do Leão.

Em Minas Gerais e exatamente no Mineirão palco do jogo desta quarta-feira tivemos 22 partidas. Foram 18 vitórias do Cruzeiro, três empates e dois triunfos do Vitória. Pelo Brasileirão, no estado mineiro, foram 19 confrontos, com 14 triunfos do Cruzeiro, três empates e duas derrotas.

Veja também

Deixe seu comentário