Chapecó, Minas Gerais e Catar querem a final entre Boca Juniors e River Plate

Decisão entre Boca Juniors e River Plate ainda sem local definido

A Conmebol apresentou nesta terça-feira, em reunião no Paraguai com os presidentes de Boca Juniors e River Plate, a sua proposta para resolver o imbróglio envolvendo a final da Libertadores da América de 2018. A entidade definiu que a decisão não será na Argentina e que o jogo vai ocorrer em campo neutro no final de semana dos dias 8 e 9 de dezembro.

A decisão da Conmebol desagrada aos dois clubes. O Boca sustenta que a partida não deve ser realizada e quer levar os pontos no tribunal. Já o River Plate pediu a realização do jogo no Monumental de Núñez com a presença de sua torcida.



Algumas opções estão sendo estudadas, com preferência para Miami (EUA), Doha (Qatar) e Assunção. Circula na imprensa informações que, além de Chapecó, o Mineirão, em Belo Horizonte (MG), e a cidade italiana de Gênova também se ofereceram para receber o confronto argentino.

No entanto, no comunicado, a Conmebol esclarece ainda que a marcação da partida para campo neutro ainda depende da decisão do seu Tribunal Disciplinar sobre o pedido do Boca Juniors de ganho dos pontos da partida.

Veja também

Deixe seu comentário

6 Trackbacks / Pingbacks

  1. หน้า เป็น กลาก
  2. 55uk681c 벽걸이
  3. view
  4. forum
  5. uniccshop bazar
  6. sex

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*