Marcelinho: “Ele (Carneiro) tem que se encaixar”

Aos 32 anos, o presidente mais novo a assumir o comando do Esporte Clube Bahia, Marcelo Guimarães Filho, foi, nesta sexta-feira, 12, visitar o Fazendão, um dos patrimônios do clube que passará agora a comandar. O deputado federal, que obteve 193 votos na eleição da última quinta-feira, 11, esteve acompanhado, do vice-presidente Gilberto Bastos.

Na oportunidade, Marcelinho, como é carinhosamente conhecido, fez o reconhecimento geral do centro de treinamento tricolor localizado no bairro de Itinga. Visitou campo, espaço de imprensa, centro de recuperação física, departamento médico, entre outros espaços. Entrevistado pelo repórter Diego Adans do ATEC, ele afirma que sua primeira providência estrutural será a interdição do gramado principal. Para 2009, os jogadores tricolores serão deslocados para o campo de número dois e três. O novo presidente do Esquadrão de Aço ainda comentou sobre plano de marketing, ajuda financeira, sede de praia, a formação da nova comissão técnica, contratação de jogadores, entre outros assuntos. Estes dois últimos temas, porém, ele informa que já contactou os profissionais e, praticamente, está tudo certo. Deverá, enfim, na segunda-feira anunciar o novo treinador e mais três a quatro jogadores que irão fazer parte do elenco tricolor em 2009. A TARDE | E agora, qual o primeiro ato como presidente ?Marcelo Guimarães Filho | Amanhã [sábado, 13], já irei encaminhar à Federação Baiana de Futebol o ofício definindo Pituaçu como o nosso mando de campo para o Campeonato Baiano de Futebol 2009. Este será o meu primeiro ato como presidente recém empossado do clube. AT | Qual sua impressão sobre o Fazendão? Assustadora?MGF | Não, nada disso. (risos) Há três anos que não venho a este CT (Centro de treinamento). É claro que a situação não é a das melhores. Mas, não vejo muitos problemas à primeira vista, não. Aqui ao meu lado, o ex-presidente Petrônio Barradas, e ele já informou que os campos necessitam de melhorias. E, irei fazer. O campo principal mesmo será interditado, os treinamentos passarão a ser no campo 2 e 3. Coletivos em outro lugar. AT | E a especulação sobre a venda do Fazendão? Era somente um boato?MGF | Não. Existe, sim, a possibilidade da venda. Tanto do Fazendão, quanto da sede de praia. Na verdade, há ainda um possível permuta ou troca, seja com Pituaçu, ou outro lugar. A princípio, pensamos em vender o Fazendão e comprar uma outra área, na qual iríamos construir um CT mais moderno. AT | Agora, comissão técnica, jogadores, diretoria, etc. Quando irá anunciar?MGF | Na segunda-feira [15], irei convocar uma coletiva com a imprensa e irei anunciar todos os esses nomes. AT | Então irá confirmar o nome de Paulo Carneiro, como novo gestor do clube, Newton Mota, superintendente das divisões de Base?MGF | Calma.(risos). Não é bem assim. Posso dizer que o Newton [Mota] está muito bem encaminhado, quase fechado realmente. Ele deve vir a Salvador ainda hoje [sexta-feira, 12]. Posso dizer que está 95% confirmado. Já Paulo Carneiro irei conversar com ele hoje [sexta-feira]. Quem estava entrando em contato direto com ele, era meu vice-presidente o Gilberto Bastos. Esse final de semana ele [Carneiro] vem a Salvador e aí, sim, nós iremos, sentar e conversar.Diego Adans, do A Tarde

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*