Está faltando prestígio

A Diretoria do Bahia, infelizmente, tudo indica está em completo desprestígio em todos os âmbitos do futebol da boa terra. Aceitar a escalação de Lopo Garrido foi de uma infantilidade a toda prova. Se competentes e prestigiados fossem, antes mesmo do sorteio teriam bloqueado o nome deste mal feitor, alegando inclusive que ele beneficiou o Vitória no jogo contra o Itabuna, dando desde a abertura do quadrangular uma vantagem substancial ao rubro negro.

Certamente Lopo Garrido, assim como Rosalvo da Silva Mota no passado, passa a ser o novo cão de guarda do palácio dos esportes da Praça Castro Alves. Resta ao Bahia declarar esse louco varrido inimigo do tricolor, não aceitando sob nenhuma hipótese, nunca mais, sua participação nos jogos do tricolor.

Mas, o que realmente nos assusta, é a felicidade que tomou conta dos homens de Rádio da nossa capital, unanimemente fizeram uma festa, tamanho a satisfação com o resultado do jogo.

O white Raimundo Varela, misto de candidato a prefeito de Salvador e comentarista de futebol, juntamente com seu Black Silvo Mendes, mesmo admitindo o gol mal anulado, ter voltado atrás uma expulsão equivocada e ter permitido todo tipo de pancadaria e deboche dos jogadores , chegaram ao absurdo de elogiar a arbitragem, dando um cartão verde, símbolo de lisura de seu programa, certamente perdeu todos os possíveis votos da torcida do Bahia nas próximas eleições.

Rui Carvalho

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*