Guarani tem interesse em seguir contando com zagueiro do Vitória

"entraram em contato também com os meus agentes", disse.

Foto: Roberto Zacarias/Especial para Guarani FC

Com 36 jogos e 3 gols marcados, o zagueiro João Victor é um dos destaques do Guarani na temporada 2023. O jogador chegou no início do ano, emprestado pelo Esporte Clube Vitória, e foi conquistando seu espaço aos poucos, se firmando como titular. Na Série B, são 31 jogos e 2 gols marcados, sendo peça importante na recuperação do Bugre para a saída da zona de rebaixamento e conquistar a permanência na divisão. Com o bom desempenho, o Guarani tem interesse em contar com João Victor para o próximo ano e fez uma consulta ao agente do atleta, que está emprestado até o final do ano.

 

“Sim, já entraram em contato também com os meus agentes. Tiveram uma reunião com eles. Agora quem resolve são os meus agentes. Vamos esperar. Vamos deixar tudo na mão de Deus. Tô esperando. O que resolver, eu estou dentro”, afirmou, em entrevista ao Correio. 

No entanto, o presidente do Vitória já confirmou que João Victor está nos planos de João Burse para a temporada 2023. O defensor prometeu bastante dedicação se voltar em 2023.

“Eu acho que cresci bastante. Estou mais maduro. A cabeça está boa. Se for voltar para o Vitória, pretendo dar o meu melhor para a torcida e para a minha equipe. Eu vim pesquisando onde eu errava e agora, graças a Deus, esse ano eu tive uma evolução muito alta com o treinador Mozart e espero dar continuidade ao meu trabalho. Vamos ver o que tem pela frente e qualquer coisa estamos de volta”.

Natural de Recife (PE), João Victor Carroll Santana surgiu nas divisões de base do Santa Cruz. Se profissionalizou em 2015 chegou a atuar algumas vezes pelo time principal em 2017 antes de ser emprestado ao Rio Verde-GO. Em 2018, defendeu o time sub-23 do Santa no Campeonato Brasileiro de Aspirantes, entrando em campo sete vezes, mas seu melhor momento pelo time pernambucano foi em 2019, disputando 32 jogos. Foi contratado pelo Vitória em setembro de 2019, inicialmente por empréstimo. O Leão realizou a compra de 50% dos direitos econômicos por R$ 800 mil. Ao todo, atuou em 66 partidas, com três gols marcados.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário