Vitória consegue desconto em acordo com a União por dívida fiscal

Clube efetivou novo acordo com a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional referente ao Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos com o objetivo de dividir débitos com a Receita Federal.

Atletas dos times sub-20 e sub-23 alegam manutenção de salários vencidos. Jogadores do Vitória estão sem receber há mais de três meses
Foto: Pietro Carpi / EC Vitória / Divulgação

Fora de campo, o Esporte Clube Vitória conquistou “três pontos” importantes na atual temporada. Na última quinta-feira (30), o Leão da Barra conseguiu um novo acordo com a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional referente ao Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos. O objetivo é pagar os débitos com a Receita Federal de forma parcelada, segundo informações do site Bahia Notícias.

 

Diante do acordo, o Rubro-Negro Baiano diminui a dívida fiscal para 50% de desconto. Até então, o clube estava em dívida avaliada em mais de R$ 117 milhões. Dessa maneira, o débito bateu a marca de cerca de R$ 59,8 milhões. Nesse sentido, a divisão dos débitos fiscais vai abranger 145 meses. Do contrário, o previdenciário gira em torno de 60 meses. Acima de tudo, o valor completo das parcelas acomete pouco mais de R$ 255 mil. Apesar disso, o valor do parcelamento amplia a cada um ano.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*