Jogadores e auxiliar do Vitória pegam gancho pesado por agressões

O meia Eduardo, titular absoluto da equipe, só poderá voltar ao time na última rodada

Foto: Pietro Capri /EC Vitória

Nesta sexta-feira, aconteceu os julgamentos do zagueiro Eduardo, do zagueiro Mateus Moraes, e do auxiliar técnico Ricardo Amadeu, no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por conta das agressões em briga generalizada no jogo contra o Atlético-CE. Apontado como pivô da confusão ao trocar socos com Yan, o meio-campista pegou um gancho de seis jogos de suspensão, assim como o auxiliar. Já o defensor foi punido com cinco partidas. Vale lembrar que o clube pode recorrer da decisão.

 

Os jogadores e o auxiliar já pagaram um jogo ao cumprir a suspensão automática. O meia Eduardo, titular absoluto da equipe, só poderá voltar ao time na última rodada, visto que faltam mais seis rodadas para o término da primeira fase e ele precisa cumprir cinco jogos. Mateus Moraes retornará na penúltima rodada.

No entanto, caso o Esporte Clube Vitória consiga o efeito suspensivo ainda nesta sexta-feira, os três ficam livres para cumprir suas funções na partida de domingo, contra o São José-RS, fora de casa, pela 14ª rodada da Série C do Brasileiro.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário