Bahia denuncia ato de racismo de torcedores na Arena da Baixada

O Athletico-PR ainda não se pronunciou sobre o assunto.

Foto: Reprodução

O duelo entre Bahia e Athletico-PR, na última terça-feira (12), pelas oitavas de final da Copa do Brasil, que terminou com vitória do Furacão por 2 a 1, ficou marcado por mais um suposto caso de racismo envolvendo torcedores. Tricolores presentes na Arena da Baixada presenciaram torcedores do Furacão fazendo gestos imitando macaco em direção ao setor visitante. O Esporte Clube Bahia fez uma publicação no Twitter denunciando e repudiando caso de racismo. O Athletico-PR ainda não se pronunciou sobre o assunto.

 

“Para além de qualquer resultado, não dá pra se calar diante de mais uma vergonhoso caso de racismo em um estádio brasileiro. Desta vez, não foram estrangeiros, não. Até quando? BASTA”, escreveu o Esquadrão.

Torcedor símbolo do Bahia, Binha de São Caetano relatou que presenciou as ofensas e imitações. “Eles chamaram nós (sic) de macaco. Fizeram o gesto de macaco e ninguém toma providências. Isso é uma vergonha”, reclamou o torcedor.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário