Bahia tem negociações com meia que pertence ao Grupo City

Na ocasião, Diego Rosa chamou a atenção do Grupo City, que contratou o jogador

Foto: Divulgação/Site oficial do Lommel

Próximo da abertura da janela de transferências nacionais, o Esporte Clube Bahia já se movimenta no mercado em busca de reforços visando a sequência da temporada 2022, onde ainda terá as oitavas de final da Copa do Brasil e mais 25 rodadas do Campeonato Brasileiro da Série B. Uma das prioridades é reforçar o setor de ataque e, de acordo com apuração de Antônio Neto, produtor de conteúdo do ECB TV, o Esquadrão tem negociações avançadas com o meio-campista Diego Rosa, de 19 anos, revelado no Vitória e negociado pelo Grêmio com o Manchester City em 2021. O atleta fez parte da conquista da Copa do Mundo Sub-17 pela seleção brasileira, competição realizada no Brasil em 2019.

 

Na ocasião, Diego Rosa chamou a atenção do Grupo City, que contratou o jogador em um negócio pagando inicialmente 6 milhões de euros (R$ 38 milhões na cotação da época). O Grêmio tinha direito a 70% dos direitos econômicos do atleta, enquanto os outros 30% pertenciam ao Vitória, seu clube formador. O negócio previa outras bonificações, que poderiam chegar na casa dos 24 milhões de euros (cerca de R$ 144 milhões na cotação atual).

Após ser comprado pelo City, Diego Rosa foi emprestado para o Lommel SK, clube da Bélgica, onde atuou as duas últimas temporadas, disputando 29 jogos, marcando 2 gols e dando 2 assistências. Através das redes sociais, o jogador se despediu do clube.

“Mais um ciclo se encerra pra que outros venham a iniciar e o objetivo ser alcançado. Gostaria de agradecer ao @lommelskofficial pela oportunidade, por todos os ensinamentos. Agradeço a toda equipe e a torcida que me acolheram e foram fundamentais ao meu desempenho. Enfrentei alguns gigantes, tempos difíceis mas com muita fé em Deus venci. Me entreguei de coração todos os dias, fazendo e dando o meu melhor ao clube. Gratidão”, publicou o jogador.

Revelado nas divisões de base do Esporte Clube Vitória, o baiano Diego Rosa foi negociado com o Grêmio em junho de 2017, na gestão de Petkovic. O clube baiano trocou o volante promissor que se destacava no time sub-15 pelo zagueiro Wallace Reis, na época reserva no tricolor gaúcho. Além de ter cedido o jovem atleta (com 50% dos direitos econômicos) ao Grêmio, a diretoria rubro-negra da época fixou 20% dos direitos econômicos em R$ 500 mil, valor que foi desembolsado pelo clube gaúcho para aumentar o passe do atleta.

Deixe seu comentário!

PUBLICIDADE

1 Trackback / Pingback

  1. Fortaleza perde mais uma e segue se complicando no Brasileirão

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*