Sport tem pedido atendido pela CBF para liberação de áudios do VAR na final do Nordestão

Leão da Ilha havia solicitado o material audiovisual há cerca de duas semanas

Foto: Reprodução

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) permitiu a liberação dos áudios do VAR relacionados à decisão da Copa do Nordeste, que acontece no dia 3 de abril e terminou com vitória do Fortaleza por 1 a 0, conquistando o bicampeonato do torneio regional. O Sport solicitou o conteúdo há duas semanas e, nesta segunda-feira (18), conseguiu um ofício da entidade. A Diretoria do Rubro-negro viaja ao Rio de Janeiro nesta semana para assistir ao conteúdo. A informação foi publicada pelo site ge.globo.

 

“O pedido deve ser atendido, com observância das possibilidades técnicas que os órgãos responsáveis dispõem”, declara a entidade máxima do futebol brasileiro.

Apesar disso, o Leão da Ilha ainda não recebeu os áudios e vídeos do árbitro de vídeo, mediante o protocolo adotado pela CBF em outros torneios – com exceção da Série A do Campeonato Brasileiro. Por outro lado, a agremiação pernambucana emitiu um comunicado por nota oficial acerca do posicionamento da entidade. “O clube discorda veementemente da resposta dada pela Comissão de Arbitragem”, destaca.

O clube pernambucano reclama de dois pênaltis não marcados e um marcado e depois demarcado pelo árbitro de vídeo, além da falta de energia e campo alagado. O parecer da Ouvidoria de Arbitragem discorda dos quatro pontos citados pelo Sport no pedido.

Deixe seu comentário!