Três dos novos contratados não podem defender o Bahia na Copa do Brasil

Didi, Emerson Santos e Rildo são os desfalques do Bahia no torneio de mata-mata

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

Após emplacar dois triunfos seguidos no Campeonato Brasileiro da Série B, vencendo Cruzeiro e Náutico, o Esporte Clube Bahia volta a campo na terça-feira (19) para enfrentar o Azuriz, às 19h30, na Arena Fonte Nova, pelo confronto de ida da terceira fase da Copa do Brasil. A partida de volta será no dia 10 de maio, em Pato Branco. O Esquadrão estreia no torneio nacional nesta fase por ter sido campeão da Copa do Nordeste no ano passado.

 

Para o confronto, o técnico Guto Ferreira terá desfalque de jogadores que estão lesionados e outros que já atuaram na Copa do Brasil. Dos oito jogadores recém-contratados pelo Bahia, três deles não poderão atuar pelo tricolor no torneio. O zagueiro Didi, o volante Emerson Santos e o atacante Rildo atuaram na Copa do Brasil desse ano por Ferroviária, Botafogo-SP e Grêmio respectivamente. O Botafogo-SP foi eliminado na primeira fase pelo Azuriz, adversário do Bahia. Ferroviária e Grêmio também já deram adeus à competição.

Por outro lado, o Bahia contará com outros reforços na competição. O goleiro César, o zagueiro Zé Vítor, o volante Lucas Falcão, e os atacantes Warley e Matheus Davó não participaram da Copa do Brasil por seus antigos clubes. Já o atacante Vitor Jacaré ficou no banco de reservas em jogo do Ceará no torneio, mas não entrou em campo, e o regulamento determina que um jogador que foi relacionado para a partida, mas não atuou, pode atuar por outra agremiação.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário