Próximo adversário do Vitória volta a atrasar salários dos jogadores

administrativo e atletas da base relataram ao ge que não foram acertados os seus vencimentos

Desde o ano de 2019, quando foi rebaixado para Série B do Brasileiro, o Cruzeiro atravessa uma forte crise financeira, com enormes dificuldades para honrar seus compromissos, ocasionando a saída de muitos jogadores que fizeram parte de um período de conquistas do clube. Mais um ano estagnado na Segundona, o Cruzeiro segue sofrendo com problemas para quitar os salários. De acordo com informação do “ge”, os salários relativos ao mês de outubro ainda estão em aberto. Eles deveriam ser pagos na última semana.

 

Ainda segundo o portal, funcionários das Tocas I e II, administrativo e atletas da base relataram ao ge que não foram acertados os seus vencimentos. Com os atletas da base, ainda há um valor em aberto em relação às pendências que levaram a equipe do Sub-20 a paralisar as atividades por um dia. Procurado pela reportagem, o clube afirmou que planeja realizar os pagamentos pendentes nos próximos dias.

Segundo funcionários e jogadores consultados, o clube ainda não se pronunciou internamente quando irá quitar os valores. Ainda de acordo com apuração da reportagem, existe um otimismo do clube em relação ao acerto dos valores de novembro.

Na 10ª colocação com 46 pontos, o Cruzeiro volta a campo no domingo para enfrentar o Esporte Clube Vitória, às 19h, no Estádio Manoel Barradas. O Leão ocupa a 18ª colocação com 37 pontos, e precisa vencer o jogo e torcer por tropeço dos concorrentes (Londrina e Brusque) para deixar o Z4.

Deixe seu comentário!

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Veja as chances de rebaixamento do Vitória após finalizada a 35ª rodada
  2. Na súmula, árbitro relata que Conti bloqueou passagem da bola com o braço

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*