Caso Daniel Cruz: Bahia dá prazo de 10 dias para Athletico pagar multa

Bahia promete ir até o fim para receber a multa de R$ 1,2 milhão

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Na última sexta-feira, o atacante Daniel Cruz, de 21 anos, foi registrado no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) como jogador do Athletico Paranaense. No entanto, o Esporte Clube Bahia promete ir até o fim para receber a multa de R$ 1,2 milhão, já que existia uma cláusula de renovação automática no contrato do atleta. O Esquadrão notificou o clube paranaense e estipulou o prazo de 10 dias para o pagamento integral do valor. A informação foi divulgada pelo portal Info Bahêa.

 

“(…) A título de indenização pelos valores investidos para fins de formação do atleta, direito esse do qual o Bahia é inequivocadamente titular e que fora devidamente publicizado no Sistema de Registro da CBF como determina artigo 29, §7º, da Lei 9.615/1998”.

IMPASSE

Daniel Cruz tem 20 anos e foi um dos destaques da equipe sub-20 no ano passado, principalmente na campanha do vice-campeonato da Copa do Brasil, mas o impasse na renovação de contrato acabou impedindo uma promoção ao elenco principal na época comandado por Dado Cavalcanti. Houveram várias reuniões entre o clube e o empresário do atleta, Marcelo Pacheco, mas nunca chegaram a um acordo em relação ao salário.

Após a chegada de Júnior Chávare, um acordo ficou próximo de acontecer, inclusive, o jovem atacante chegou a disputar um jogo no dia 4 de abril, contra o Atlético de Alagoinhas, pelo Campeonato Baiano, mas depois foi novamente afastado.

LEIA MAIS

Autor(a)

01/10/2021 às 22h00

Fellipe Costa

Redator e Administrador do Futebol Bahiano. Contato: [email protected]

6 Comentário

  1. O futebol e feito de oportunidades os dirigentes do Bahia não publicam a verdade para não ficar mal diante de seu torcedor, o contrato do cara venceu ele obviamente procurou por uma valorização, Bahia achou que não valia ,o jogador fica livre para fechar com outro clube pois não pode ser impedido de trabalhar, o Athletico paranaense que é um clube que leva o proficionalizmo a sério percebe a oportunidade e investe no atleta, podem ter certeza de que o jogador sabe que o Athletico é um clube que sabe negociar e valorizar seus Atletas, dirigentes do Bahia foram incompetentes e tentam achar uma desculpa p justificar, se não fosse o furacão a comprar outro clube o faria

  2. O PRESIDENTE BLÁ BLÁ BLÁ usou arma similar com LÉO CEARÁ… E foi elogiado … E agora toma nas costas e quem está sofrendo críticas é a direção do ATLHETICO … FALA SÉRIO ….

  3. Caso o clube consiga levar o DANIEL sem custo fica aí umas das MERDAS desta FRACASSADA GESTÃO .. SUCESSO PARA O ATLETA.. E PARABÉNS AO CLUBE COM VISÃO …

  4. Athletico Paranense sempre está nas manchetes de jornais tentando ludibriar seus coirmãos, empresários e atletas, sabemos que isso é reflexo de Dirigentes ultrapassados de resultados imediatos e desgaste irreparável a imagem do clube, que muitos torcedores gostam disso, ganhando sempre no grito, aqui na Bahia tentou-se recriar esse tipo de Dirigente, agora seus criadores deixaram o clube que eles acham de são seu a beira da falência , esses Dirigentes ultrapassados tem que ser definitivamente banidos do futebol, ou levarão seus clubes ao fundo do poço

  5. Que está FRACASSADA GESTÃO destruiu nossa BASE é uma realidade…E outra realidade foram as contrações de atletas para o sub 23 que por falta de qualidades não são aproveitados… O que poderia ser lucro se tornar prejuízo …tem moral nenhuma prá falar do SÓCIO TORCEDOR…

  6. O Bahia não tem nenhum amparo para ter direito a esta indenização. O certo é que o Bahia entre os anos 2019 e 2021, principalmente nos dois últimos anos gastou milhões com jogadores para o time sub20 e sub23 e, não teve nenhum retorno, nenhum jogador que pudesse ser titular absoluto do time principal. Ao passo que, Daniel Cruz, um jogador promissor, oriundo da base, o Bahia queria pagar apenas $5.000,00 mensais. Proposta esta que, o seu jogador e empresário não aceitaram. Como o Bahia não cobriu a proposta , oportunizou assim ao término do contrato, o Atlético Paranaense a contratar o atleta. Foi uma das maiores cagadas desta Diretoria que só faz ‘M’.
    É por isso que o Furacão do Presidente Petralha, já conquistou uma Sul Americana, vai disputar sua segunda final, está… mais
    PERDEU PLAYBOY!! PERDEU BELLITANI!!!!!!!!!!!!!

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*