Conselho dá prazo de 5 dias para Paulo Carneiro se defender de acusação

Paulo Carneiro foi acusado de cometer várias irregularidades

Afastado temporariamente da presidência do Esporte Clube Vitória após acusação de gestão temerária, o presidente Paulo Carneiro recebeu do Conselho Deliberativo do clube um prazo de cinco dias para apresentar defesa, segundo informação divulgada inicialmente pelo Bahia Notícias e confirmada pelo Futebol Bahiano. Com PC afastado por 60 dias, o clube vem sendo dirigido pelo vice-presidente Luiz Henrique atualmente.

 

“Evidenciou que a notificação é a oportunidade de apresentação de defesa prévia, visto que ele [Paulo Carneiro] figura no presente processo na condição de investigado”, diz trecho da notificação.

Paulo Carneiro foi acusado de cometer várias irregularidades, como adiantamento de suas remunerações durante a pandemia, ausência de um contrato entre o clube e empresa Magnun, que recebeu R$ 3,5 milhões do Vitória, entre outras acusações.

LEIA MAIS

 

 

 

Deixe seu comentário!

2 Comentário

  1. eçis kara ker dá um golpi no victoria. tiraran paulo ovelha na marra e noça galinha çó fais perdê. vouta logo paulo ovelha pra nois num paçar fomi na cerie c.
    #voltapauloovelha

1 Trackback / Pingback

  1. Fortaleza sofre goleada inesperada e deixa de assumir a vice-liderança

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*