Com mudança da Conmebol, Bahia poderá ter 40 atletas inscritos na Sul-Americana

Conmebol aumentou limite de inscritos para Libertadores e Sul-Americana

Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia

Nesta quinta-feira, a Conmebol anunciou o aumento no limite de jogadores inscritos nas Copas Sul-Americana e Libertadores. Os clubes que participam destas competições antes podiam incluir 30 jogadores, porém, com a mudança, agora poderão inscrever até 40 atletas. A medida, adotada através de uma reunião do conselho da federação por vídeoconferência, foi tomada para que os times mantenham seus níveis de competitividade em meio à pandemia do novo coronavírus. A entidade também criou uma equipe para trabalhar junto dos clubes, associações e autoridades de saúde nacionais com o intuito de coordenar a retomada dos torneios.

 

Ainda segundo o comunicado, a Conmebol fez alterações no calendário da Copa América 2021, que será disputada na Argentina e na Colômbia. A intenção é diminuir o número de viagens por parte das seleções entre as sedes locais e dar mais dias de descanso para as equipes classificadas às fases finais.

Com as eliminações de Fortaleza, Atlético-MG, Goiás e Fluminense, apenas dois clubes brasileiros seguem vivos na Sul-Americana 2020. Vasco da Gama, que eliminou o Oriente Petrolero, e o Bahia que despachou o Nacional-PAR. A segunda fase da Copa Sul-Americana, que deve começar a partir de setembro, irá reunir 32 equipes, sendo 22 classificados da primeira fase e mais 10 equipes procedentes da Libertadores. Com 6 pontos somados e saldo de cinco gols (6 x 1), o Esquadrão se garante entre os seis times de melhor desempenho na fase inicial da Sul-Americana que irão se juntar aos 10 times eliminados da Copa Libertadores (contando oito terceiros colocados da fase de grupos e mais dois times eliminados na terceira fase preliminar). No pote 2, as 16 demais equipes classificadas.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*