Bahia faz manifestação de apoio ao Dia Internacional do Orgulho LGBT

Esporte Clube Bahia faz do combate ao preconceito uma bandeira

Neste domingo (26), desta vez sem manifestação política por conta da crise do coronavírus que já matou apenas no Brasil cerca de 58 mil pessoas, é comemorado mundialmente o Dia do Orgulho LGBT. Exercendo o seu papel social e também de conscientização, o Esporte Clube Bahia se manifestou através das redes sociais com imagens de apoio. O tricolor de aço lançou dois novos modelos de sua coleção em apoio ao público LGBTQI+. Vale ressaltar que dos 20 clubes da Série A, somente Atlético-GO, Athletico-PR, Ceará e Goiás deixaram passar em branco a data.

 

O Esporte Clube Bahia é um dos poucos clubes do futebol brasileiro que fazem do combate ao preconceito uma bandeira. Uma das metas da gestão atual, que assumiu no início de 2018, é transformar o clube no mais democrático do Brasil. O primeiro passo foi criar um núcleo de ações afirmativas, que usa o futebol para chamar a atenção da sociedade para diversas causas, como racismo, combate à homofobia e violência, entre outros. Além da campanha “Aqui não há impedimento” contra a homofobia, o clube apoiou a criação de torcida organizada LGBTQI, chamada de LGBTricolor, iniciativa do Grupo Orgulho Tricolor e da União Nacional LGBT, abraçada pelo Esquadrão.

ASSISTA AO VÍDEO:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Duas camisas da nova coleção #BahiaClubeDoPovo dão o recado. #OrgulhoLGBT🏳️‍🌈 #JuntosVenceremos

Uma publicação compartilhada por Esporte Clube Bahia (de 🏠) (@ecbahia) em

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*