Reunião entre Cerri e Galiotte prevista para esta segunda não ocorreu

Palmeiras segue trabalhando para anunciar diretor e treinador

Foto: Cesar Greco / Ag. Palmeiras

A definição do acerto entre Diego Cerri e Palmeiras que era esperado para esta segunda-feira (09), pelo visto será adiada. De acordo com informação do site Globoesporte, o diretor do Bahia não se reuniu com o presidente Maurício Galiotte nesta segunda como estava previsto, mas o acerto é considerado como próximo de ser oficializado. O clube paulista continua trabalhando para contratar seu novo diretor de futebol antes da nova comissão técnica. O principal desejo da diretoria é o argentino Jorge Sampaoli, atualmente no Santos, com quem tem contrato até o final de 2020, no entanto, a permanência é incerta já que ele quer um time forte para brigar por títulos e teria pedido um investimento de R$ 100 milhões em contratações.

 

Jorge Sampaoli se reuniu com o presidente do Santos nesta segunda-feira e fez algumas cobranças para permanecer na temporada 2020, no entanto, segundo a imprensa paulista, o argentino ficou mais longe da Vila Belmiro, o que animou os palmeirenses, contudo, o Palmeiras .desanimou com a pedida salarial envolvendo o treinador e toda a comissão técnica do argentino. O valor de cerca de R$ 2 milhões por mês é avaliado como caro pelos palmeirenses. Principalmente por isso que a sensação nos bastidores do clube é de que não houve avanço nas tratativas.

Sampaoli continua como o preferido e único objetivo da diretoria do Palmeiras neste momento para assumir o lugar do demitido Mano Menezes em 2020. O perfil do argentino se encaixa com o projeto pensado pela diretoria alviverde para a próxima temporada, mas a ideia é não gastar mais do que o necessário.

LEIA TAMBÉM

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*