Internacional vai ao mercado argentino e mira dois treinadores

Colorado tentou antes Roger Machado e Tiago Nunes

Com o sucesso do português Jorge Jesus no Flamengo e do argentino Jorge Sampaoli no Santos, ainda que pesquisa recente aponte que técnicos gringos duram em média 4 meses no futebol brasileiro, os clubes certamente começarão a olhar para o mercado de fora na hora de buscar um novo treinador, caso do Internacional que demitiu recentemente Odair Hellmann e agora procura um novo comandante visando a temporada 2020, muito provavelmente vindo do mercado argentino.

 

As primeiras investidas foram de Roger Machado (que preferiu permanecer no Bahia) e Tiago Nunes (que negocia a renovação com o Athletico-PR). Agora o foco é um técnico gringo. De acordo com informação do site Globoesporte, o clube gaúcho tem reunião marcada na Argentina para conversar com Eduardo Coudet, do Racing, e, caso não obtenha sucesso, tentará Ariel Holan, ex-Independiente. Vice de futebol do clube, Roberto Melo irá ao país acompanhado do gerente de mercado do Colorado, Deive Bandeira, para conversar com Coudet.

Conhecido como Chacho, o treinador Eduardo Coudet tem contrato com o Racing até meados de 2020 e possuiu respaldo da diretoria do clube argentino. Apesar disso, ele aceitou ouvir uma proposta do Internacional. Em caso de fracasso, o plano B colorado é Ariel Holan, que está sem clube desde maio, quando foi demitido do Independiente, com quem conquistou o título da Conmebol Sul-Americana de 2017.

Deixe seu comentário

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*