Clubes lamentam morte do jornalista Ricardo Boechat em acidente de helicóptero

Ricardo Boechat gozava de carinho e respeito da sociedade brasileira

O jornalista Ricardo Boechat, 66, morreu após a queda de um helicóptero em São Paulo nesta segunda-feira quando retornava de Campinas onde realizou palestra a convite de uma empresa da indústria farmacêutica. O helicóptero que condizia o jornalista caiu sobre um caminhão em trecho do Rodoanel que dá acesso à rodovia Anhanguera, na zona oeste de São Paulo, matando também o piloto.

O jornalista trabalhava atualmente no Grupo Bandeirantes de Comunicação, apresentando dois programas diários. A Notícia com Ricardo Boechat, um matinal na rádio BandNews FM, e o Jornal da Band à noite, na TV Bandeirantes. Ele tinha também uma coluna na revista semanal Istoé.

Logo após a morte, alguns clubes brasileiros diante da tragédia lamentaram o ocorrido através de notas através das redes sociais. Entre eles estão o Santos Futebol Clube.



“Nossas condolências à família de Ricardo Boechat e ao Grupo Bandeirantes de Comunicação. Uma das grandes figuras do jornalismo brasileiro”, lamentou o clube de Vila Belmiro.

Outro que se manifestou foi o América Mineiro que também usou as redes sociais para prestar uma homenagem.

“O América lamenta profundamente a trágica morte de Ricardo Boechat, referência do jornalismo e torcedor do #Coelhão.  ” Expressamos nossos sentimentos à família e aos amigos do jornalista e das demais vítimas desse triste acidente escreveu a assessoria de comunicação do time mineiro

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*