Bellintani vence as eleições e torcida do Bahia segue vencendo o jogo

Encerrou-se mais uma etapa no Esporte Clube Bahia. Com 40 anos, o advogado Guilherme Bellintani foi eleito como previsto com uma larga margem de votos foi eleito presidente do tricolor de aço. Cerca de 83% dos votantes gravaram simbolicamente o X no seu nome e assim assume o Bahia com o respaldo dos seus sócios de modo expressivo. O números de votantes que foi aquém do esperado. Do universo aproximado de 7,5 mil sócios aptos para exercer o voto, apenas 4.5 torcedores estiveram prestigiando a terceira eleição limpa e democrática do clube. A margem não é tão baixa, mas poderia ser melhor…. MAS ainda somos noviços nesta arte e faculdade e em breve chegaremos no número ideal. Nada à lamentar, apenas registrar.

Mas o que importa é que se Guilherme Bellintani venceu as eleições e nós os torcedores do Bahia continuamos vencendo no jogo democrático e limpo para a escolha dos nossos governantes, não como PERUS compradores de camisas e sim, como princípio ativo e fundamental para a escolha do tipo e tamanho do trilho por onde vai navegar o destino do clube nos próximos três anos.

Somos nós, razão e essência principal para existência do Esporte Clube Bahia e como tal, jamais poderíamos viver à margem seja nos bons caminhos ou descaminhos do clube como no passado. Hoje temos isto e por isto também devemos celebrar em um legítimo e justificado autofestejo como se diz lá em Portugal.

Particularmente gostamos do resultado das eleições. O eleito me parece uma versão completamente melhorada do ex-presidente Marcelo Pereira. Guilherme Bellintani indica ter a predisposição de ouvir mais e se aproximar da torcida e não me parece que carregue no perfil na alma e, sobretudo no estilo, a ideia que tenha comprado em num supermercado de qualquer esquina, todas as verdades do mundo como o anterior.

Agora é varrer o chão e aguardar os próximos passos. Decisão sobre o técnico Paulo César Carpegiani. Renovações de contratos. Situação do goleiro Jean, quem vai, quem fica e quem vai chegar.

Dalmo Carrera / Fellipe Costa

 

Veja a festa da torcida

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*