Bahia ainda mantém velha freguesia diante do Vitória

No próximo Domingo, teremos o primeiro BA-VI do ano de 2015. O 470ª da história do considerado, acertadamente, como o maior clássico do Norte-Nordeste, em momento não muito bom, afinal, se o clássico reúne multidões, atiça as paixões e fomenta a rivalidade exaustivamente explorada pelos donos do negócio,  não é possível negar ou esconder que, além de tudo, teremos no próximo Domingo, no Estádio Manoel Barradas, do lado esquerdo do campo, um time vestindo vermelho e preto recentemente rebaixado, do lado direito, vestindo vistosas camisas tricoloridas, outro na mesma condição, enfim, é uma reunião de dois clubes que, irmanados pela porcaria, envergonharam 99% dos desportivas de Salvador.  

Ok, não se fala mais no assunto, afinal, futebol é um segmento em que não cabem mágoas ou ressentimentos, é do tipo do negócio que foi feito, está, e sempre estará afeito, para a célebre e providencial frase que aconselha em aceitar tudo aquilo que foi lavado como que por mágica, se transformou em novo, e nesta linha domesticada pela paixão, vamos esperar com as expectativas de sempre, a realização do duelo entres dois dos “maiores clubes do futebol” nacional, eventualmente relegado ao segundo plano das competições promovidas pela Federação Brasileira de Futebol.

O histórico do BA-VI, ainda que com todos os avanços do Esporte Clube Vitória nas últimas décadas, onde ganhou quase tudo, o Esporte Clube Bahia mantém a freguesia e diante da pouca quantidade de partidas entres os clubes, o tricolor da liga de aço, deve manter essa superioridade por muitos anos.

Até então foram realizados 470 BA-VI no longo da história. Pelo Campeonato Baiano, este será o de numero 33, sendo que no geral, Bahia venceu 177 vezes, o Leão 148 e foram registrados 145 empates. O Bahia marcou 628 gols e tomou 556 e tudo parece indicar que, neste Domingo, o tricolor somará o 178ª triunfo em cima dos donos da casa.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*