Amor ao Vitória vai impedir Obina de festejar gol

Ídolo do Vitória, Obina volta hoje a pisar no Barradão, estádio do clube que o lançou para o futebol nacional. Por amor à torcida que tanto já o aclamou, ele prometeu que não irá comemorar caso balançe a rede pelo Flamengo, hoje à noite.

Manuel de Brito Filho, mais conhecido como Obina, demonstrou todo o seu carinho pelo time baiano com a declaração: “É muito bom voltar à minha casa. Fui muito feliz no Vitória e se fizer gol não vou comemorar por respeito aos torcedores do meu ex-clube”. Afinal, o jogador já foi ídolo do time baiano.

Após iniciar sua trajetória no futebol do Vitória, Obina passou pelo Fluminense de Feira e no retorno ao time que o revelou, em 2004, foi destaque entre jogadores como Edilson e Vampeta. O atacante deixou o clube antes de o time cair para a segunda divisão, mas, mesmo assim, deixou sua marca de goleador,e terminou aquela temporada como vice-artilheiro do campeonato, com 19 gols.

Respeitado pelos torcedores do time baiano, Obina foi recebido com alvoroço na chegada da delegação em Salvador na última segunda-feira. E não só Obina está preparado para atuar hoje pelo Flamengo. Ontem, o treinador Caio Júnior teve a boa notícia de poder contar com Kléberson, que treinou ontem normalmente no Centro de Treinamento do Bahia, após se recuperar de forte gripe. “Apesar do resfriado, me recuperei rapidamente e devo sim estar cem por cento para ajudar o time nesta partida complicada”, disse o cabeça-de-área. Agora não há mais dúvidas do treinador quanto a escalação de hoje à noite.

O Flamengo ocupa atualmente a 4ª posição, com 55 pontos conquistados, saldo de 18 gols e está mais que nunca no páreo pelo título do Brasileirão 2008.

Deixe seu comentário