Técnicos são especulados, mas Bahia deve ter Bruno Lopes na terça

Depois da saída de Enderson, o Bahia acionou o português Bruno Lopes para encontrar a delegação.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia / Divulgação

O Esporte Clube Bahia iniciou neste sábado e busca por um novo treinador após a demissão de Enderson Moreira, que não resistiu a derrota para a Chapecoense, por 3 a 1, na Arena Condá, em Chapecó. Como de costume, logo após o anúncio da saída de Enderson, nomes começaram a ser especulados para assumir o tricolor na reta final da Série B. Um deles Eduardo Barroca, que já passou pelo Esquadrão como auxiliar e técnico interino. O último clube que ele comandou foi o Avaí, sendo demitido no mês passado, e também acumula passagens por Botafogo, Atlético-GO e Vitória, entre outros.

 

Já de acordo com Antônio Neto, da ECB TV, o Bahia estaria negociando com Odair Hellmann, que está sem clube desde que deixou o Al-Wasl, dos Emirados Árabes. No Brasil, ele treinou o Internacional e Fluminense, além de ter sido auxiliar da Seleção Brasileira na conquista do ouro Olímpico nos Jogos do Rio, em 2016. No entanto, tudo ainda não passa de boatos, e a tendência é que o Esquadrão seja comandado por um treinador interino na próxima terça-feira, fora de casa, diante do Novorizontino.

Depois da saída de Enderson, o Bahia acionou o português Bruno Lopes para encontrar a delegação tricolor em Campinas, onde o time faz a preparação. O auxiliar técnico vai comandar o treino deste domingo, e pode assumir o comando o Esquadrão de forma interina na próxima rodada da Série B. Na ocasião em que Guto Ferreira foi demitido, Bruno também foi chamado para comandar a equipe, mas Enderson foi contratado antes da partida, e ele não precisou ficar na beira do campo. Enderson comandou o time em 18 jogos, com apenas seis triunfos, seis empates e seis derrotas.

 

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário