Vitória prioriza renovações e projeta entre 8 a 10 reforços para 2023

Vitória só volta a campo para compromissos oficiais nos primeiros dias de janeiro.

Após a conquista do acesso heroico para a Segunda Divisão, a diretoria do Esporte Clube Vitória já trabalha no planejamento para a temporada 2023, onde irá disputar a pré-Copa do Nordeste, Campeonato Baiano, Copa do Brasil e a Série B. O clube já acertou as renovações de contrato do técnico João Burse e também do diretor de futebol, Edgar Montemor. Sobre o elenco, o mandatário afirmou que serão contratados no primeiro momento de oito a dez jogadores. Por outro lado, a prioridade agora é renovar com algumas peças importantes do grupo. São eles: Dalton, Alan Santos, Léo Gomes, Rafinha e Tréllez. Outros 14 atletas não terão o contrato renovado.

 

“Temos, na nossa cabeça, que precisa reforçar o elenco, entre oito a 10 jogadores, de diversas posições. Os contatos, estamos fazendo. Começamos renovando a comissão técnica. Agora, estamos tentando renovar com os atletas que nos interessam. Edgar, neste momento, está tratando das renovações. No lance seguinte, vamos tratar das contratações”, disse Fábio Mota.

O Esporte Clube Vitória só volta a campo para compromissos oficiais nos primeiros dias de janeiro, quando será disputada a fase prévia da Copa do Nordeste. As partidas pela fase preliminar do Regional estão marcadas os dias 5 e 8 de janeiro. Até o momento, o formato não foi definido. Com a diminuição de datas – de quatro para duas -, a tendência é que a quantidade de times que participam da fase eliminatória também diminua – de 24 para 16. Como foi eliminado na primeira fase do Baianão, o Leão terá que disputar mais uma vez essa fase. No ano passado, acabou sendo eliminado pelo Botafogo-PB, e não disputou a fase de grupos do Nordestão.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário