Pressionado, Bahia enfrenta o Brusque buscando encerrar jejum na Série B

O Esquadrão ocupa a terceira colocação na tabela de classificação da Série B, com 53 pontos

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Vivendo seu pior momento no Campeonato Brasileiro da Série B, o Esporte Clube Bahia chega na reta final e decisiva sob desconfiança. O Esquadrão não vence há cinco jogos, com duas derrotas e três empates. Após empatar em 1 a 1 com o Novorizontino, na estreia do treinador Eduardo Barroca, o Tricolor Baiano volta a campo neste sábado pressionado, para enfrentar o Brusque, segundo pior time da atual edição da Segundona. O Tricolor atuou pela última vez na Arena Fonte Nova diante do Operário e amargou um empate em 2 a 2. Além dessa partida, teve quatro jogos fora de casa, empatando com Criciúma e Novorizontino, e perdendo para Sport e Chapecoense. O último triunfo aconteceu no dia 3 de setembro, contra o Tombense, por 3 a 1, na Fonte Nova.

 

O time catarinense também não vence há cinco rodadas, porém, amarga cinco derrotas em sequência (para Náutico, Vila Nova, Ituano, Criciúma e Sport). Além disso, nesses cinco jogos, não marcou um gol sequer e sofreu sete. A última vitória do time catarinense aconteceu no dia 3 de setembro, quando bateu o Vasco por 1 a 0 em casa, pela rodada de número 28. No primeiro turno, o Esquadrão venceu o Brusque por 2 a 0 no Estádio Augusto Bauer, em Santa Catarina. Rezende e Rodallega marcaram os gols da partida disputada no dia 28 de junho, valendo pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Esquadrão ocupa a terceira colocação na tabela de classificação da Série B, com 53 pontos, quatro a mais que o Sport, primeiro time fora do G-4 nesse momento com 49 pontos. O Sampaio Corrêa entrou em campo nesta sexta-feira e poderia diminuir essa diferença, porém, ficou apenas no empate em 0 a 0 com o CSA no Estádio Rei Pelé, resultado bom para o Tricolor Baiano. O Brusque, por sua vez, amarga o posto de vice-lanterna, com 31 pontos, na frente apenas do Náutico, lanterna com 30.

Quem apita o duelo entre Bahia e Brusque é o árbitro André Luiz de Freitas Castro, auxiliado por Cristhian Passos Sorence e Hugo Savio Xavier Correa. O trio é filiado à Federação Goiana de Futebol. O quarto árbitro será o baiano Emerson Ricardo de Almeida Andrade, enquanto seu conterrâneo, Ademilton Piedade Carige, ficará como analista de campo. Na arbitragem de vídeo, o responsável será o pernambucano Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira, auxiliado por Eduardo Tomaz de Aquino Valadão e Vidal Cordeiro Lopes.

JOGOS DA 34ª RODADA DA SÉRIE B

SEXTA, 07/10
19h00 – Criciúma 2 x 1 Náutico
21h30 – CSA 0 x 0 Sampaio Corrêa

SÁBADO, 08/10
11h00 – Chapecoense x Operário
16h00 – Bahia x Brusque
16h30 – Londrina x Grêmio
18h30 – Ituano x Guarani
18h30 – Vasco x Novorizontino
18h30 – Tombense x CRB
19h00 – Ponte Preta x Vila Nova

DOMINGO, 09/10
16h00 – Sport x Cruzeiro

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário