Ex-jogador publica mensagem de ódio após 1º turno das eleições

Fabricio Mandini demonstrou insatisfação no último domingo (2) e indicou passar po rcima de pessoas que pedirem fome

Foto - Divulgação / Ceará Esporte Club

O ex-jogador de futebol, Fabricio Manini, demonstrou total insatisfação com o resultado das eleição presidencial, realizado no último domingo (2). Na ocasião, os dados apresentaram a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na disputa com 48,43% dos votos na concorrência com o chefe do executivo Jair Bolsonaro (PL), que obteve 43,20%. O ex-profissional, natural do Mato Grosso, emitiu um discurso de raiva e ódio em seu perfil oficial no Instagram onde pediu aos apoiadores do atual presidente que “passe o carro por cima da cabeça” de pessoas passando fome na rua.

 

“Depois do resultado do primeiro turno das eleições, espero que todos os eleitores de Bolsonaro assim como eu sou, quando encontrar alguém passando fome ou pedindo algum alimento, não ajude. Passe com o carro por cima da cabeça pro país não ter mais despesas com esses vermes!”, relatou. “Apoiadores do PT: Viado, traficante, bandido, puta, vagabundo, LGBT e por aí vai”, acrescentou.

Manini está ausente dos gramados desde 2015, após atuar pelo Botafogo-PB. O zagueiro ainda jogou por clubes como Ceará, Fortaleza, Rioverdense-GO, Mogi Mirim-SP, Anapolina-GO, Estrela-RS, Unaí-MG, Gama, América-RN e Oeste-SP.

Autor(a)

Pedro Moraes

Jornalista, formado pela Universidade Salvador (Unifacs). Possui passagens em vários ramos da comunicação, com destaques para impresso, sites e agências de Salvador e São Paulo. Contato: pedrohmoraessjorn@gmail.com

Deixe seu comentário