Diretor do Bahia projeta até seis reforços e fala sobre perfil de contratações

Eduardo Freeland pregou cautela pelo momento financeiro do clube

Em entrevista ao “Papo Livre”, novo quadro no canal da TV Bahêa no Youtube, o diretor de futebol Eduardo Freeland falou sobre a busca do clube por reforços para o segundo turno do Campeonato Brasileiro da Série B. A janela de transferências abre dia 18 de julho e vai até 15 de agosto. Segundo o dirigente, a ideia é trazer de quatro a seis contratações. Porém, pregou cautela pelo momento financeiro do clube e afirmou que não virá nenhuma contratação de impacto, podendo chegar atletas “mais ou menos conhecidos da torcida”.

 

“Vai abrir a janela agora no dia 18. O clube vem se movimentando há bastante tempo. Estamos há mais de dois meses discutindo nomes, perfil de atletas que a gente vai buscar no mercado, pontos fortes e as fragilidades que a equipe tem demonstrado para que a gente seja assertivo. Nossa intenção é trazer de quatro a seis jogadores, entendendo as lacunas que possam ajudar a qualificar o nosso elenco. Vamos tentar apresentar nossos atletas o quanto antes, mesmo antes da janela. Mas a gente entende que tem todo esse período da janela para conseguir qualificar o nosso elenco”.

“É importante passar para o nosso torcedor que o clube tem feito um esforço muito grande para manter suas obrigações financeiras em dia. Agradeço ao Eduardo Gadelha (Diretor Executivo), que tem sido muito parceiro com toda a sua equipe, para manter as contas em dia. Isso tem sido fundamental também para alcançar os objetivos no fim da temporada”.

“E as contratações vão seguir também com muita responsabilidade. Entendo o torcedor querer grandes contratações e grandes nomes. Entendemos perfeitamente e vamos buscar sempre com muita responsabilidade financeira e também o perfil desse atleta. Saber quem é essa pessoa que a gente está contratando é algo que a gente não pode abrir mão para que a gente mantenha um ótimo ambiente aqui no clube”.

“Vamos ser muito responsáveis para trazer jogadores que a gente entenda que vão elevar o nível técnico da equipe, que às vezes podem ser mais ou menos conhecidos da torcida, mas que a gente, de forma muito criteriosa, analisa e entende que esses novos profissionais que vão chegar para o grupo de jogadores, agregarão o nível técnico par ao ponto fundamental, que é os ajudar a conquistar o objetivo da temporada, que é o acesso. Entendemos a expectativa grande, trabalhamos com um orçamento muito baixo que é o que a gente tem hoje e com muita responsabilidade para agregar profissionais de qualidade e entregar os resultados que buscamos”.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário