“Vitória não vai pagar a Jadson para fazer rescisão”, afirma Fábio Mota

o presidente em exercício, Fábio Mota, explicou a situação e revelou que o pedido inicial de rescisão partiu do próprio atleta.

Foto: Reprodução / TV Vitória

O Esporte Clube Vitória tem mais um “pepino” para resolver. Desta vez, envolvendo um jogador do elenco, que não quer permanecer, mas não aceitar sair de mãos abanando. Trata-se do meia Jadson, que alegou problemas familiares antes do jogo contra o Ypiranga, e desde então, não vem mais sendo relacionado no Leão. Em entrevista à TV Vitória, o presidente do clube, Fábio Mota, explicou sobre a situação do atleta, que informou à diretoria que estava com problemas pessoais e desejava deixar a Toca do Leão, porém, no momento de assinar a rescisão, acabou não aceitando um acordo amigável.

 

“O Vitória não está mandando o Jadson embora. O Jadson, que no primeiro momento, saiu de Fortaleza e veio para sua residência, dizendo que estava com dores lombares, com problemas pessoais. O empresário do jogador, depois, ligou para Maneca (gerente de futebol) e falou que, se fosse o caso, faria a rescisão. O Jadson é jogador do clube, tem contrato até outubro”, disse.

Fábio Mota afirmou que libera o meia, mas descarta pagar pela rescisão do contrato. “Cabe a ele dizer se quer fazer a rescisão. Se ele quiser, vamos sentar e discutir para liberá-lo. Mas, o Vitória não vai pagar a Jadson para fazer rescisão. Vamos conversar com Jadson segunda-feira e resolver”, completou.

Natural de Londrina (PR), Jádson Rodrigues da Silva acumula passagens pelas divisões de base de PSTC e Internacional, mas se profissionalizou no Atlético-PR, em 2003. Após se destacar pelo Furacão, foi negociado com o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, onde atuou por sete temporadas. Retornou ao futebol brasileiro em 2012 para jogar no São Paulo, fazendo parte do elenco campeão da Sul-Americana em 2012. Passou também pelo Corinthians, onde foi bicampeão brasileiro (2015 e 2017), além do Tianjin Tianhai, China, e do Athletico-PR. Jadson também acumula convocações para Seleção Brasileira, sendo campeão da Copa das Confederações em 2013.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*